Menu
Busca terça, 23 de abril de 2019
(67) 9860-3221

Membros da família Rigo morre em acidente no Mato Grosso

13 junho 2011 - 11h06

Um acidente ocorrido no começo da noite de ontem, (12), próximo à cidade de Cuiabá, capital do estado de Mato Grosso, matou três integrantes de uma mesma família de sul-mato-grossenses. Ademar José Rigo, 59 anos, Maria Sílvia Bobato Rigo, de 53 anos e a filha do casal, Deybow Iasmin Bobato Rigo, de 17 anos, morreram após o carro deles, uma Pajeto TR4, ser atingido de frente por uma carreta bitrem carregada de soja que, após o impacto, tombou e pegou fogo.

Apesar do sobrenome, eles não possuem parentesco com o ex-deputado Ary Rigo.

Segundo familiares das vítimas, os corpos devem ser trazidos para Campo Grande de avião no começo da tarde desta segunda-feira e o velório está marcado para as 18 horas, na Pax Nacional. Os três serão sepultados no Cemitério Jardim das Palmeiras, na capital de Mato Grosso do Sul.

A família, que morou em Sonora, estava há vários anos na Chapada dos Guimarães e seguia até Cuiabá, para onde tinham se mudado recentemente. Maria Rigo conduzia o veículo dos sul-mato-grossenses no momento do acidente.

O motorista da carreta, Humberto Ermerino da Silva, 36 anos, também não resistiu aos ferimentos e morreu na hora.

Mais de 20 homens, entre bombeiros, policiais rodoviários federais, peritos e técnicos da Rede Energia trabalharam no local do acidente por mais de 4 horas. A pista ficou interditada e provocou um congestionamento de aproximadamente 8 quilômetros, nos 2 sentidos.

###O acidente

O acidente aconteceu por volta das 16h30, no quilômetro 378 da rodovia BR-364, distante cerca de 20 quilômetros do perímetro urbano de Cuiabá. Segundo o policial rodoviário federal Rony César Figueiredo, na hora a visibilidade era boa e havia pouco movimento na rodovia. Não há testemunhas do momento da colisão.

Segundo a perícia no local, no entanto, a carreta da empresa Transportadora Martelli, que seguia no sentido Cuiabá - Rondonópolis, teria invadido a faixa contrária e colidido frontalmente com o Pajero.

Além de apagar o princípio de incêndio que chegou às margens da rodovia, os bombeiros precisaram cortar a lataria do veículo para a retirada dos corpos. (Com informações de Silvana Rios e João Vieira)

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Confirmado segundo caso de gripe H1N1 em Mato Grosso do Sul
UEMS
Engenharia Ambiental e Sanitária faz questionário à população douradense
JUDICIÁRIO
TJ/MS terá horário de funcionamento invertido nesta quarta-feira
MEIO AMBIENTE
Ambiental apreende 1.250 metros de redes e liberta 25 kg de peixes
ELEIÇÕES
TRE/MS volta atrás e diz que população escolherá novo prefeito de Miranda
POLÍTICA
Governadores irão ao Congresso discutir Plano Mansueto, Fundeb e Lei Kandir
COMBUSTÍVEIS
Petrobras volta a subir preço da gasolina nas refinarias após 18 dias
INOCENTE
Defesa do ex-presidente Lula diz que vai recorrer para garantir absolvição
ECONOMIA
Dólar fecha em queda, de olho na votação da reforma da Previdência na CCJ
MS
Congresso Holístico Internacional em Bonito é aberto a profissionais e interessados no tema

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é preso após oferecer cocaína a policiais militares
DOURADOS
Motociclista morre ao bater na traseira de carreta no Terra Roxa
RIO BRILHANTE
Vídeo mostra acidente que matou ex-jogador do Águia Negra
DOURADOS
Homem encontrado morto no rio Dourados foi deixado no local pelo sobrinho no sábado