Menu
Busca quinta, 19 de setembro de 2019
(67) 9860-3221

Juiz libera 27 santistas presos no Paraguai; 31 continuam detidos

09 junho 2011 - 06h55

O juiz paraguaio Juan Carlos Pane concedeu nesta quarta-feira a liberdade a 27 dos 58 torcedores do Santos que foram detidos na semana passada no Paraguai, acusados dos crimes de roubo e perturbação da ordem pública na cidade de San Lorenzo, próxima a Assunção.

O juiz impôs ao grupo uma multa de aproximadamente R$ 8 mil que serão doados a três entidades beneficentes, informaram fontes do Poder Judiciário local. No entanto, os outros 31 torcedores que também foram detidos permanecem reclusos.

A juíza Patricia González, que processou os santistas, confirmou que aqueles que ainda seguem presos assinaram um acordo para pagar uma indenização ao proprietário de uma lanchonete, danificada por atos de vandalismo do grupo e deverão ser liberados nas próximas horas.

Os incidentes foram registrados após a partida de volta das semifinais da Copa Libertadores, em que o Santos empatou com o Cerro Porteño por 3 a 3, no último dia 1º, assegurando uma vaga na decisão da competição´- o time brasileiro vencera o primeiro jogo por 1 a 0, no Estádio do Pacaembu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Dólar fecha em alta e volta ao patamar de R$ 4,16
FUTEBOL FEMININO
Pia Sundhage chama Marta em nova convocação para amistosos
POLÍCIA
PRF apreende caminhonete com cerca de 3 toneladas de maconha
SIDROLÂNDIA
Homem é preso acusado de estuprar criança de 3 anos
FESTA
2ª Peixada Dourados News é no sábado e vendas de camisetas convites entram na “reta final”
TV
Programa coloca cenário artístico do MS no centro do jornalismo diário
DOURADOS
Justiça concede liberdade a mulher que liderava quadrilha presa com 1t de maconha
BRASIL
Alvo da PF, Bezerra põe o cargo de líder do governo no Senado à disposição
CRIME AMBIENTAL
Grupo é multado em quase R$ 300 mil por desmatamento ilegal
QUEIMADAS
MS recebe suporte do Governo Federal para combate aos incêndios

Mais Lidas

DOURADOS
De assaltante frustrado a autor de furto, jovem agora é apontado como assassino frio e cruel
DOURADOS
“Terror”: Empresário foi agredido e ameaçado de morte durante roubo de joias
CRIME BRUTAL
Após matar pai e filho, assassino arrancou cérebro de menor e manteve fogo aceso para queimar corpos
DOURADOS
Interno foge da PED durante trabalho de manutenção