Menu
Busca sexta, 18 de outubro de 2019
(67) 9860-3221

Inviolabilidade do membro do MP não é absoluta

14 junho 2011 - 14h50

A inviolabilidade do membro do Ministério Público não é nem absoluta, nem irrestrita. Este entendimento levou a 5ª Turma do Superior Tribunal de Justiça a manter Ação Penal contra promotor acusado de caluniar advogado durante Tribunal do Júri. Para o colegiado, a defesa do promotor não conseguiu demonstrar que ele não sabia que as acusações feitas eram falsas.

Ao analisar o caso, a Justiça do Rio Grande do Sul concluiu que a inviolabilidade do promotor não é absoluta. Na visão do tribunal gaúcho, as supostas ofensas do promotor ao acusar o advogado do réu de ter praticado crime de falsidade ideológica e ser defensor de um dos maiores traficantes do estado deveriam ser aprofundadas em Ação Penal.

No recurso levado ao STJ, a defesa do promotor trouxe um segundo ponto: de acordo com ela, a queixa apresentada contra seu cliente deveria também ter sido apresentada contra a promotora que o acompanhava na sessão e apresentou notícia-crime contra o advogado por falsidade ideológica. Na falta da coautora, teria ocorrido renúncia ao direito de queixa por parte do advogado.

Sobre esse último pedido, o ministro Napoleão Maia Filho registrou que a apresentação de notícia-crime pela promotora com base nos mesmos fatos não levaria a eventual coautoria na calúnia. Na hipótese de ela ter conhecimento da falsidade das alegações, caberia a denunciação caluniosa, e não calúnia. Enquanto a primeira é praticada contra a administração da Justiça, a segunda atinge a honra individual do ofendido.

Com informações da Assessoria de Comunicação do STJ.

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Do interior de presídio, líder do PCC ordenou 28 assassinatos em MS
SOLIDARIEDADE
Para respirar fora de hospital, bebê precisa de aparelho de R$ 40 mil
CRIME AMBIENTAL
Paulista é multado em R$ 83 mil por desmatamento em áreas diferentes
OPORTUNIDADES
Concursos com 306 vagas serão realizados em municípios de MS
TRAGÉDIA
Sobe para sete número de mortos na queda de prédio em Fortaleza
UEMS
Dia do servidor terá corrida, caminhada e vacinação na Cidade Universitária
SEMIABERTO
Ex-presidente Lula pede à Justiça para não mudar de regime
ELDORADO
Polícia apreende R$ 300 mil em embarcações usadas por contrabandistas
INTERNACIONAL
Astronautas fazem primeira caminhada 100% feminina no espaço
POLÍTICA
Líder do PSL diz que Bolsonaro tentou comprar deputados com cargos

Mais Lidas

BNH IV PLANO
Polícia investiga morte de bebê logo após parto em Dourados
DOURADOS
Com fim de contrato, empresa começa a retirar lombadas eletrônicas
DOURADOS
Pente-fino teve ‘bate-grade’ e apreendeu drogas, celulares e facas artesanais
DOURADOS
Ladrões invadem e fazem “limpa” em casas