Menu
Busca terça, 20 de agosto de 2019
(67) 9860-3221

Humorista de “A Praça É Nossa” morre em Campinas aos 74 anos

16 janeiro 2013 - 11h46

Morreu na noite dessa terça-feira o humorista Clayton Silva, que fazia parte do elenco de “A Praça É Nossa”. Aos 74 anos, ele estava internado desde o último dia 27 de dezembro no Centro Médico, em Campinas. O ator lutava contra um câncer há três anos.

Parte do humorístico do SBT desde 1987, Clayton foi o responsável por bordões como “To de olho no senhor” e “Êta fuminho bão”. Seu personagem, um caipira, carregava uma caixa de fósforo como se fosse um cachorro. No cinema, ele atuou em "O Bem Dotado Homem de Itu", "As Aventuras de Mário Fofoca" e "Pecado Horizontal".

Clayton nasceu em Uberlândia, em Minas Gerais. Seu corpo será cremado no crematório da Vila Alpina, em São Paulo, e o velório será em Indaiatuba, no interior do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESTADO
Com a inauguração em Ribas do Rio Pardo, 34 municípios passam a contar com Procon
TRÁFICO
Polícia prende traficante que vendia drogas há oito anos em bairro
FISCALIZAÇÃO
Foragido da Justiça de MG é preso na região de Maracaju
PAÍSES VIZINHOS
Portaria impede entrada de altos funcionários da Venezuela no Brasil
FLAGRANTE
Veículo de luxo roubado no ES é recuperado em Rio Brilhante
AQUIDAUANA
Policial aposentado morre ao ser atropelado pelo próprio veículo
EDITAL
Assinatura de convênios garante repasse de R$ 1,5 milhão para pesquisas no Estado
DOURADOS
Inscrições para seleção de novas Famílias Acolhedoras são abertas
CAMPO GRANDE
Polícia encontra maconha escondida em armário de escola
POLÍTICA
Haddad suspende agenda e Caravana Lula Livre é cancelada em Dourados

Mais Lidas

NO PARANÁ
Douradense morre ao ser prensado por caminhão em laticínio
DOURADOS
Acusado de participação no sequestro de família douradense se apresenta à polícia
DOURADOS
Em ato de filiação ao PSL, reitora temporária diz não ter prazo para deixar comando da UFGD
MS-376
Veículo fica completamente destruído e homem morre em acidente entre Vicentina e Fátima do Sul