Menu
Busca domingo, 16 de junho de 2019
(67) 9860-3221

Homem saca revolver, dá tiro em vigia e foge

09 junho 2011 - 17h15

A Polícia Militar de Sinop registrou duas tentativas de homicídio, ontem. Os dois casos ocorreram em menos de seis horas. Por volta das 20h40, o vigia J.C.S., de 33 anos, informou que trabalhava, em uma empresa na rua Criciúma, no bairro Alto da Glória, quando um homem apareceu, sacou um revólver e atirou.

Ele tentou fugir, mas foi atingido nas costas. O homem estaria com revólver calibre 22 e fugiu em seguida, sem levar nada. A vítima ligou para a polícia, foi socorrida, atendida e liberada.

Já hoje de madrugada, por volta das 02h30, B.S.R. foi medicado, no Pronto Atendimento. Ele levou um tiro na perna, segundo a Polícia Militar. A versão é que passava pela região central, quando uma pessoa em uma moto parou e atirou.
O suspeito não foi identificado pela vítima.

Fonte: Sé Noticias

Deixe seu Comentário

Leia Também

INSTAGRAM
Namoro entre sertanejos Fernando e Maiara termina e fãs especulam motivos
CAPITAL
Denúncia leva PM até casa onde traficantes escondiam 850 quilos de maconha
CAMPO GRANDE
Homem é agredido pela ex-mulher após recusar reatar relacionamento
POLÍCIA
Casal contrato para levar maconha até Campo Grande é preso em Dourados
PALESTRA
SAD integra atividades da Semana Nacional dos Arquivos
POLÍCIA
Após cinco mortes em uma semana, órgãos realizam operação na reserva indígena de Dourados
POLÍCIA
Paranaense é preso com droga na rodoviária de Dourados
POLÍTICA
Bolsonaro anuncia que Brasil foi aceito como aliado extra-Otan
CAPITAL
Motorista perde controle em curva, atravessa pista e capota na MS-080
DOURADOS
Homem assalta mercado e leva R$ 200 no residencial Monte Carlo

Mais Lidas

POLÊMICA
Dono da Havan manda “recado” a manifestantes após protesto em frente a loja de Dourados
DOURADOS
Jovem é preso com arma de fogo após disparar e errar tiros contra desafeto da mãe
CARUMBÉ
Morto em colisão frontal contra caminhão tinha 58 anos
DOURADOS
Polícia suspeita que grupo tenha assassinado tio e sobrinho na aldeia