Menu
Busca terça, 26 de março de 2019
(67) 9860-3221

FMI revela que foi vítima de ataque virtual de 'grande escala'

12 junho 2011 - 09h18

O Fundo Monetário Internacional (FMI) revelou que a sua rede informática foi vítima de um ataque cibernético sofisticado, segundo informações publicadas neste domingo pelo jornal americano The New York Times.

O ataque teria acontecido há vários meses, mas só foi revelado agora. Autoridades no Fundo deram poucos detalhes sobre o ataque virtual, mas disseram que houve "uma violação de grande escala" dos seus sistemas, de acordo com o jornal.

Segundo os investigadores, hackers tentaram instalar um software para se infiltrar no sistema do FMI. O Fundo possui dados e análises econômicas sigilosas sobre diversos países.

O FMI disse que seus sistemas de informática estão funcionando, mas não forneceu mais detalhes sobre o ataque.

###Banco Mundial
"Eu posso confirmar que estamos investigando o incidente", disse o porta-voz da instituição, David Hawley. "Eu não posso dar mais detalhes sobre o alcance deste incidente de segurança cibernética."

O New York Times disse que os funcionários do FMI foram avisados sobre o ataque cibernético por e-mail na quarta-feira, mas que o Fundo não tornou público o incidente.

O e-mail alertava que 'transferências suspeitas de arquivos' haviam sido detectadas e que uma investigação determinara que um dos computadores do Fundo foi 'comprometido' e usado para acessar redes internas.

O porta-voz do Banco Mundial revelou que a instituição interrompeu seu acesso à rede do FMI temporariamente por "excesso de precaução".

"O grupo do Banco Mundial, como qualquer outra organização, está cada vez mais ciente dos riscos potenciais à segurança do nosso sistema de informação, e nós estamos constantemente trabalhando para melhorar nossas defesas", disse o porta-voz Rich Mills.

Recentemente outras grandes corporações também revelaram terem sido vítimas de ataques cibernéticos. Em abril, a rede do videogame Playstation, da Sony, foi invadida, e hackers obtiveram dados pessoais de 100 milhões de contas.

Em maio, a empresa americana de defesa Lockheed Martin também revelou ter sido alvo de um ataque.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASSEMS ITINERANTE
Quatro municípios recebem atendimento médico especializado no final de semana
MS
IFMS convoca candidatos a vagas reservadas para negros
CHAPADÃO DO SUL
Colisão deixa dois feridos na MS-306
BRASIL
Governadores voltam a reivindicar projeto de recuperação fiscal
ESTRAGOS DA CHUVA
Agesul recupera ponte e libera o tráfego na MS-270 em Itaporã
FISCALIZAÇÃO
Procon Estadual autua lotérica e loja de confecções atendendo a reclamações de consumidores
CÂMARA DE DOURADOS
Nova empresa de TI custará, por mês, R$ 18 mil mais barato do que valor pago à Quality
BRASIL
Inflação oficial acelera puxada por alimentação e transporte
DOURADOS
Câmara aprova Plantão Social de Sobreaviso do SUAS durante sessão ordinária
CRIME ELEITORAL
Vereador mais votado de Ladário é cassado por compra de votos

Mais Lidas

POLÍCIA
Corpo em avançado estado de decomposição é encontrado em Dourados
DOURADOS
Após brigar com a mulher, motorista bêbado invade e destrói oficina na Monte Alegre
DOURADOS
Corpo encontrado no Flor de Maio estava há cerca de 30 dias no local
PARABELLUM
Operação cumpre mandados de busca e apreensão em Dourados