Menu
Busca quinta, 27 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Exposição mostra quanto o brasileiro paga de impostos

13 fevereiro 2005 - 11h07

Começou a percorrer o país, na semana passada, uma notável lição decidadania. É uma exposição, em praça pública, de uma série de produtos, naqual uma só idéia está à venda: a de que o consumidor não sabe quanto deixapara o governo ao comprar qualquer coisa de um automóvel a um chiclete. Ao analisar as placas com porcentagens grudadas em cada produto, o visitanteda exposição saberá, por exemplo, que, ao adquirir um carro de milcilindradas, terá deixado 44% para o poder público. Cada vez que enche otanque com gasolina, são mais 53% em impostos.  Os organizadores dessa experiência, exibida no centro de São Paulo, apostamno seguinte: quando o consumidor, de fato, souber quanto o governo lhe tiradiariamente, haverá mais pressão para que melhore o desempenho daadministração pública. Essa exposição é um detalhe pedagógico de um crescente movimento no país."Está em gestação uma rebelião", afirma Gilberto Luiz do Amaral, advogadoespecialista em impostos, presidente do Instituto Brasileiro de PlanejamentoTributário.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Garçom lambe orelha de cliente em bar e é denunciado à polícia
SAÚDE
Disseminação de fake news sobre coronavírus preocupa especialistas
LÉO VERAS
Suspeito nega execução de jornalista e teme queima de arquivo
ESPORTE
GP Rochedo de Ciclismo abre inscrições para prova dia 15 de março
SÃO GABRIEL
Peão morre atingido por hélice ao consertar maquinário em fazenda
SANEAMENTO
Sanesul executa obras de esgotamento sanitário em Antônio João
TRÊS LAGOAS
Motorista fica preso nas ferragens após colisão entre caminhões na BR-262
MEIO AMBIENTE
Bachelet critica 'retrocessos significativos' na política ambiental no Brasil
NA FRONTEIRA
Moradora de rua tem parte do corpo queimado em incêndio criminoso
INFECÇÃO VIRAL
Casos suspeitos de coronavírus no Brasil saltam de 20 para 132, diz governo

Mais Lidas

MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira