Menu
Busca sexta, 25 de maio de 2018
(67) 9860-3221
BANNER CORPAL TOPO SITE

Ex-ministro prepara discurso de despedida para a posse de Gleisi Hoffmann

08 junho 2011 - 11h55

O ex-ministro da Casa Civil Antonio Palocci deve tirar uns dias para descansar após transferir a chefia do ministério para a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), informaram assessores próximos a ele. Palocci embarca entre esta quarta-feira (8) e quinta (9) para São Paulo, onde tem um apartamento alugado.

Como ministro da Casa Civil, ele morava em uma casa no Lago Sul, área nobre de Brasília, destinada especificamente aos ocupantes do cargo.

De acordo com assessores, a mudança para São Paulo deve começar ainda nesta semana, mas depende de arranjos com a empresa transportadora. “Ainda não sei precisar a mudança, porque só uma empresa que tem licitação com o Planalto faz. Mas com certeza ele vai para São Paulo. Deve viajar hoje”, afirmou um assessor direto de Palocci.

Segundo o mesmo auxiliar, o ministro e a equipe dele estão “exaustos”. “Ele deve descansar. Está todo mundo exausto. Toda a equipe”, afirmou.

O ex-ministro prepara na manhã desta quarta (8), junto a assessores, o discurso de despedida que fará às 16h, quando Gleise Hoffmann tomará posse na chefia da Casa Civil. Após transferir o cargo, Palocci deverá se despedir dos funcionários do ministério. Na terça (8), ele já conversou com os auxiliares mais próximos após pedir à presidente Dilma Rousseff afastamento do cargo.

Palocci deixou a Casa Civil quase um mês depois da divulgação da notícia de que seu patrimônio teria aumentado em 20 vezes entre 2006 e 2010, quando era deputado federal. Apesar de a Procuradoria-Geral da República ter arquivado representações da oposição contra ele, o desgaste político com o caso continuou.

Após ponderar que o embate político poderia prejudicar as atividades como ministro da Casa Civil, Palocci resolveu sair do governo. Diante da crise, Dilma resolveu mudar o perfil da Casa Civil, que na gestão de Palocci acumulou a função de articulação política. Em seu primeiro pronunciamento após ser indicada para o cargo, Gleisi Hoffmann afirmou que a presidente quer que ela exerça uma função de “gestão” e acompanhamento dos projetos do governo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
De topless, Bruna Marquezine deixa tatuagem a mostra em foto
11 PAÍSES
Festival América do Sul Pantanal movimenta Corumbá até domingo
JUSTIÇA
Empresa de TV por assinatura é condenada por cobrar valor indevido
COSTA RICA
Bombeiro salva bebê engasgado orientando a mãe através do telefone
FUTEBOL
Lista de 35 de Tite para a Copa tem três novatos: Dedé, Maicon e Paquetá
PRESO
OAB caça registro de ex-juiz condenado por tentar matar magistrado
CAMINHONEIROS
Greve faz TRT/MS adiar prova do processo seletivo de estagiários
CASO DOROTHY STANG
Ministro do STF manda soltar fazendeiro condenado em 2ª instância
BANDEIRA VERMELHA
Bandeira tarifária ficará no patamar mais alto em junho, diz Aneel
ECONOMIA
Parceria garante indústria de fertilizantes para Rio Brilhante

Mais Lidas

GASOLINA A R$ 5
Contra abuso nos preços, força-tarefa autua postos em Dourados
DOURADOS
Fazendeiro que matou desafeto em cartório há oito anos é absolvido
TENTATIVA DE HOMICÍDIO
Rixa antiga teria motivado atentado contra “zóio de gato”
DOURADOS
Grupo é flagrado marcando lotes durante invasão de área pública