Menu
Busca sábado, 23 de março de 2019
(67) 9860-3221

Ex-guitarrista do Kiss é preso por espancar a mulher

23 maio 2011 - 15h27

O ex-guitarrista do Kiss, Vinnie Vincent, 58, foi preso no Tennessee no último domingo por espancar a mulher, informou o site TMZ.

Segundo o xerife do condado de Rutherford, disse ao site, sua mulher, Diane, 44, apareceu na delegacia coberta em sangue e cheirando a bebida alcóolica.

Ao chegar na delegacia, Diane disse que tinha acabado de fugir de casa, após Vincent dar um soco em seu rosto por causa de uma discussão. Depois do soco ele ainda a agarrou pelos cabelos e a jogou no chão e a arrastou em cima de cacos de vidro, que já estavam no chão antes da briga começar.

Diane disse ainda que ela tentou fugir, mas ele a jogou no chão quatro vezes antes dela conseguir escapar.

Quando os policiais chegaram à casa do casal eles ainda acharam quatro cachorros mortos dentro de um compartimento.

Porém, segundo Diane, eles foram mortos por um de seus cachorros agressivos.

Vincent foi preso, mas após pagar uma fiança de US$ 10 mil, foi liberado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Paolla Oliveira relaxa durante banho de mar: "água é vida"
SAÚDE
Após determinação do STJ, João de Deus é transferido para hospital
FUTEBOL
Uefa abre processo disciplinar contra Neymar por ofensa a ábitro
REFORMA
Devedores contumazes da União poderão ter CNPJ cancelado
UEMS
Curso de Libras Básico I abre inscrições na próxima segunda-feira
DANOS MORAIS
Justiça condena promotor a indenizar ex-presidente Lula em R$ 60 mil
JUSTIÇA
Shopping é condenado por danos morais em acusação falsa de furto
FÁTIMA DO SUL
Mulher é presa acusada de simulou sequestro para a própria família
TECNOLOGIA
Anatel inicia bloqueio de celulares 'piratas' em 15 estados no domingo
CAPITAL
Homem tenta matar a irmã com golpes de facão e acaba preso

Mais Lidas

HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
LUTO
Fundadora da ADL, Ruth Hellman morre em Dourados
DOURADOS
Protesto contra a Reforma da Previdência leva centenas ao Centro
DOURADOS
Trio que matou e roubou cabeleireiro é condenado a 62 anos de cadeia