Menu
Busca terça, 11 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221

Estudo mostra profissões que mais tiveram aumento de salário

04 janeiro 2013 - 10h24

O estudo “Talentos – As profissões e o mercado de trabalho brasileiro entre 2000 e 2010”, produzido pela Brasil Investimentos & Negócios (BRAiN), mostra que áreas como medicina, engenharia civil e engenharia química estão entre as mais procuradas pelo mercado e tiveram grande aumento de salário na última década. No mesmo período, formações em administração, ciências da computação, marketing e farmácia registraram quedas de salário – indicando menor demanda por parte do mercado.

Tomando como base os censos de 2000 e 2010, o relatório compara os salários dos trabalhadores com nível superior em diversos setores com os dos que concluíram o ensino médio – cujo salário mensal em 2010, foi de, em média, R$ 1.317. Em áreas como engenharia civil, por exemplo, a diferença salarial entre o profissional de nível superior e o de nível médio, que era de 200% em 2000, passou para mais de 250% em 2010. “Isso mostra que a demanda por esse tipo de profissional está aumentando mais rapidamente que a oferta, ou seja, o mercado está demandando mais engenheiros civis”, explica o diretor de Pesquisa da BRAiN, André Sacconato. O mesmo raciocínio vale, por exemplo, para engenharia química, medicina e arquitetura – confira a seguir as profissões em que o salário aumentou na última década.

O trabalho da BRAiN mostra ainda quais as áreas em que os trabalhadores, depois de formados, continuam atuando nos segmentos em que concluíram os cursos, as chamadas “ocupações típicas”. Os casos em que há maior aderência são medicina, arquitetura, pedagogia e reabilitação. Nessas carreiras, de 50% a 80% dos trabalhadores estão nas áreas em que se formaram. Já em segmentos como administração, artes e ciências sociais, a aderência é pequena, o que indica que mais de 90% dos formados estão atuando em outros ramos de atividade depois de concluída a graduação.

Confira as profissões cujos salários aumentaram na última década:

Medicina

Militar

Engenharia Civil

Engenharia Química

Engenharia Elétrica

Engenharia Mecânica

Outras Engenharias

Ciências Sociais

Arquitetura

Estatística

Economia

Ciências Físicas

Biblioteconomia

Direito

Artes

Odontologia

Veterinária

Serviço Social

Física

Contabilidade


Profissões cujos salários diminuíram na última década:

Administração

Filosofia

Jornalismo

Marketing

Atuárias

Ciências da Computação

Farmácia

Hotelaria

Matemática

Enfermagem

Imigração

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Yasmin Brunet renova o bronzeado em dia de praia de Ipanema
DOIS IRMÃOS DO BURITI
Servidores públicos flagram abuso de criança e detêm estuprador
CAPITAL
Bíblias são encontradas intactas depois de incêndio que destruiu hotel
PLANO DE MANEJO
Futuro ministro do Meio Ambiente responde por ação de improbidade
NOVA ANDRADINA
Mãe de menino com doença degenerativa pede ajuda para bazar solidário
UFMS
Abertas 74 vagas para professores substitutos com salário de até R$ 6 mil
FUTEBOL
Marta é a primeira mulher a eternizar os pés na calçada do Maracanã
OPERAÇÃO JOÃO DE BARRO
Proposta da UFGD é aprovada para o Projeto Rondon 2019
RURAL
Governo defende agricultura e turismo sustentável em Bonito e região
CAMPO GRANDE
TRE/MS mantém mandato de vereadora, acusada de infidelidade partária

Mais Lidas

DOURADOS
Criança morre no HV três dias após ser atropelada na Cachoeirinha
PREGÃO
Vereadora presa desde outubro tenta retomar cargo na Câmara de Dourados
CHAPADÃO DO SUL
Avião agrícola cai e mata piloto em cidade de MS
DOURADOS
Criança morta após acidente de trânsito teve órgãos levados para SP e Campo Grande