Menu
Busca quinta, 28 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Estrangeiros com bens no Brasil deverão ter CPF

12 agosto 2002 - 17h05

Estrangeiros que possuam bens ou aplicações financeiras no Brasil serão obrigados a se inscrever no Cadastro Pessoas Físicas (CPF), a partir de 1º de dezembro.
A medida vale para todas as pessoas físicas residentes no exterior interessadas em realizar, ou que já tenham qualquer tipo de investimento no Brasil, como imóveis, aviões, aplicação financeira ou para abertura da CC-5 - conta bancária aberta no Brasil por residentes no exterior.
A determinação consta da Instrução Normativa 190 da Secretaria da Receita Federal, publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União.
Segundo o secretário-adjunto da Receita, Jorge Rachid, o objetivo é controlar os bens de estrangeiros no Brasil.
Para se inscrever no CPF, o interessado deve acessar o site www.receita.fazenda.gov.br para obter o formulário de inscrição e, em seguida, dirigir-se a qualquer representação diplomática brasileira em seu país munido de documentação de indentificação.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COSTA RICA
Menina de 3 anos dormia com a mãe que foi assassinada a facadas pelo ex
POLÍTICA
Bolsonaro diz que auxílio emergencial poderá ter a quarta parcela
JUDICIÁRIO
MP denuncia juiz por ter recebido propina para liberar precatórios
ENSINO SUPERIOR
Ainda sem data, Enem 2020 já tem 6,1 milhões de inscritos
TRÊS LAGOAS
Motociclista é atingida por linha com cerol e garotos que soltavam pipa fogem
ECONOMIA
Compras com auxílio emergencial poderão ser pagas via celular
CARTILHA
Tribunal de Justiça lança Guia de Boas Práticas para Pessoas com Deficiência
CAPITAL
Idoso é enganado por golpistas, entrega dois cartões e fica no prejuízo
JUSTIÇA
Ministro do STF nega recurso e mantém pena de prefeito condenado por tráfico
DESCAMINHO
Receita Federal apreende duas toneladas de narguilé contrabandeadas

Mais Lidas

DOURADOS
Paciente com suspeita de coronavírus afasta mais de 20 profissionais da saúde no HV e UPA
PANDEMIA
Dourados é "campeã" de casos de coronavírus em MS pelo 3º dia consecutivo
PANDEMIA
Dourados investiga morte com suspeita do novo coronavírus
DOURADOS
Empresários cobram de Délia prova científica para justificar toque de recolher