Menu
Busca quinta, 04 de junho de 2020
(67) 99659-5905
EDUCAÇÃO

Enem terá detectores de ponto eletrônico para evitar fraudes

Enem terá detectores de ponto eletrônico para evitar fraudes

28 setembro 2017 - 06h59Por Agência Brasil

O ministro da Educação, Mendonça Filho, anunciou nesta quarta-feira, dia 27 de setembro, que serão usados detectores de aparelhos de ponto eletrônico de ouvido durante a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste ano. Os sistemas antifraude serão usados de forma experimental em alguns locais de prova com equipamentos cedidos grupo Berkana.

“A gente sabe que, infelizmente, um dos métodos mais utilizados em concursos públicos e na aplicação do Enem é o de pontos eletrônicos. Se a gente tem hoje um equipamento que pode detectar o uso desse tipo de equipamento, a gente vai inibir e, evidentemente, combater esse tipo de fraude”, disse o ministro durante o Encontro Nacional para Alinhamento Operacional do Enem realizado no 4º Batalhão de Infantaria Leve do Exército Brasileiro, em Osasco (Grande São Paulo).

O sistema encontra os aparelhos de transmissão pelo sinal de rede móvel de banda larga, por radiofrequência de wi-fi e bluetooth.

Segundo Mendonça, a partir dos resultados na aplicação das provas neste ano, o uso poderá ser expandido nas próximas edições do exame. “À medida que a aplicação desse tipo de equipamento for validada a partir dessa experiência do Enem 2017, a gente vai aumentar a amplitude”, ressaltou.

Além dos detectores, também será feita a partir deste ano, como medida de segurança, a identificação individual nominal de cada prova. “o rigor em termos de segurança se amplia cada vez mais, inclusive com a identificação individual de cada prova”, acrescentou o ministro. Parte dos locais de avaliação já conta com detectores de metais.

Dois domingos

Pela primeira vez, o Enem será aplicado em dois fins de semana, sendo dois domingos seguidos. A mudança busca, segundo Mendonça, não só dar mais conforto aos estudantes de maneira geral, como enquadrar melhor os candidatos que por razões religiosas não fazem atividades durante o dia aos sábados.

Este ano, o Enem será aplicado em 1.724 municípios, para 6.731.203 inscritos. As provas serão realizadas nos dias 5 e 12 de novembro. A previsão orçamentária é de que a aplicação das provas custe cerca de R$ 90 por candidato.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RIO BRILHANTE
Esposa de homem com covid descumpre isolamento e vai parar na delegacia
ALERTA
Sejusp não cobra por agendamento de RG; Polícia Civil apura golpe
SAÚDE
Aprovado projeto que obriga fisioterapeuta em CTI em tempo integral
DOF
Veículo furtado em São Paulo é recuperado na região de Maracaju
COVID-19
Senado Federal aprova uso obrigatório de máscaras em todo país
MEIO AMBIENTE
Homem é multado em R$ 5 mil por invadir terreno e fazer terraplanagem
CAPITAL
Não entrega de produto comprado pela internet gera indenização
CORUMBÁ
Polícia prende suspeito de participar do assassinato de professor de 27 anos
ESPERANÇA
Vacina brasileira contra a Covid-19 entra em fase de testes em animais
TRÊS LAGOAS
Homem leva sobrinho-neto de quatro anos a terreno baldio e o estupra

Mais Lidas

EPICENTRO
Casos de coronavírus "explodem" e Dourados registra recorde de confirmações
PANDEMIA
Novo epicentro, Dourados é a cidade com mais casos de coronavírus em MS
PANDEMIA
Comitê aponta surtos de coronavírus em dois pontos de Dourados
TRÁFICO DE DROGAS
Casal é preso após entreposto da droga ser fechado em Dourados