Menu
Busca quarta, 21 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Dor de cotovelo? Serra diz vislumbrar nova crise no governo Dilma

08 junho 2011 - 12h14

O candidato derrotado à Presidência José Serra (PSDB) afirmou nesta quarta-feira que a presidenta Dilma Rousseff precisa de um "primeiro-ministro", ao comentar nesta quarta-feira a demissão do ex-ministro Antonio Palocci, que deixou a Casa Civil diante do agravamento da crise em torno de sua evolução patrimonial.

No post intitulado “Vai uma crise, vem outra” em seu site na internet, Serra fez duras críticas ao modelo escolhido por Dilma para substituir o auxiliar. A presidenta optou pela senadora novata Gleisi Hoffmann (PT-PR), que foi incumbida de exercer uma tarefa de "gestão e acompanhamento de projetos".

Serra disse que a saída de Palocci é um problema político e que será sucedido por outro de “bom tamanho”. "A saída do ministro Antonio Palocci resolveu, sem dúvida, um problema político imediato para a presidente Dilma Roussef, que será sucedido por outro de bom tamanho. Vai-se uma crise, chega outra", escreveu Serra. Segundo o tucano, Palocci era um "personagem forte de um governo hesitante e fraco do ponto de vista político e administrativo", exercendo assim o papel de "primeiro-ministro".

Fonte: RBS

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTSAL
Times do Instituto Aefa vencem mais uma vez a Copa Unigran
BRASIL
STF adia decisão definitiva sobre decreto de indulto natalino
BRASIL
Promotores: membros indispensáveis das equipes de trade marketing
MS
Traficante foge e abandona Duster com mais de 1,2 t de droga
PARANAÍBA
Ladrão cai no sono ao ficar entalado na janela e acaba preso
RURAL
Área plantada de soja aumenta 140 mil hectares e bate recorde no Estado
BR-060
Caminhonete com quase 1t de maconha é apreendida
LEGISLATIVO
Mantido veto de projeto que prevê leitos separados para mães de natimortos
POLÍCIA
Homem é preso com rifle e munições em estrada vicinal
BRASIL
Bebianno é confirmado como ministro da Secretaria-Geral da Presidência

Mais Lidas

TERRA ROXA
Homem é encontrado morto com lesão na cabeça em Dourados
BORORÓ
Adolescente morre ao tocar em cerca elétrica em Dourados
DOURADOS
Homem que energizou cerca onde menor morreu é preso em flagrante por homicídio
FAZENDA
Sobrinho de prefeito de MS é sequestrado e executado no Paraguai