Menu
Busca quarta, 29 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221
INTERNACIONAL

Dificuldades na OMC podem afetar disputas comerciais pendentes

09 dezembro 2019 - 12h35Por Agência Brasil

Com a iminente paralisação do Órgão de Apelação da Organização Mundial do Comércio (OMC), responsável pela segunda instância, 13 disputas comerciais pendentes têm seu futuro incerto. Um dos casos envolve o Japão.

A Índia está apelando de uma decisão tomada por um painel do Órgão de Solução de Controvérsias, que negou um aumento de tarifas sobre produtos de aço japoneses.

O caso pode ser afetado caso o Órgão de Apelação da OMC pare de funcionar.

O Japão é um dos países que vê defeitos no sistema da OMC, tendo proposto reformas junto com a Austrália e o Chile, em abril.

A União Europeia e a China também fizeram suas  propostas de reforma. No entanto, a UE está em conflito com os EUA sobre como deve ser feita a reforma do sistema de arbitragem da organização.

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Mulher é presa em flagrante pela polícia com três armas de fogo
REGIÃO
Suspeito de furto em frigorífico da JBS é preso pela polícia
MEIO AMBIENTE
Técnica criada na USP poderá tornar produção de plásticos mais sustentável
MERCADO DA BOLA
Everton recusa proposta de R$ 464 mi do Barcelona por Richarlison
GADO
Vaca é abatida a tiros pela polícia em rodovia do Estado
BRASIL
Presos são transferidos após incêndio em presídio no Rio de Janeiro
MATO GROSSO DO SUL
Diferença de preço em item da cesta básica chega em 243%, diz Procon
BRASIL
Bolsonaro vai sobrevoar áreas atingidas pelas chuvas em MG
REGIÃO
Motociclista joga maconha em margem de rodovia e acaba preso
TRÊS LAGOAS
Drogas e armas são encontradas em carros com adesivos de empresas

Mais Lidas

VÍDEO
Ventania derruba árvores e destelha casas na região sul de Dourados
DOURADOS
Mulher deixa carro com chave na ignição e tem surpresa 15 horas depois
REGIÃO
Condutor de caminhonete é preso após atingir sete veículos estacionados
JARDIM FLÓRIDA
Homem é preso acusado de 'passar a mão' em menina de 11 anos