Menu
Busca quinta, 26 de abril de 2018
(67) 9860-3221
SENAI CURSO TÉCNICO

Conheça 5 terapias que ajudam a por fim na transpiração excessiva

02 janeiro 2013 - 11h23

A transpiração, por mais incômoda que seja, é uma resposta natural e saudável do organismo às altas temperaturas. Quando seu corpo esquenta, o suor, em contato com o ambiente, evapora e tira um pouco do calor da pele e, consequentemente, da parte interna do corpo. O problema surge quando essa produção de suor é excessiva e causa constrangimento, doença chamada de hiperidrose.

A boa notícia é que já existem alguns tratamentos que podem amenizar ou até mesmo eliminar o incômodo. Segundo Carla Bortoloto, dermatologista e especialista em medicina estética do IPTCP (Instituto de Pesquisa e Tratamento do Cabelo e da Pele), esses tratamentos normalmente são feitos nas axilas, palmas das mãos e plantas dos pés, lugares com maior incidência de hiperidrose.

“O que determina qual método é o melhor para cada paciente é o nível de evidência, ou seja, a gravidade da situação. Os tratamentos trazem muito mais qualidade de vida para o paciente, portanto, são muito recomendados”, explica.

Confira abaixo os tratamentos mais indicados para resolver problemas de transpiração excessiva.

###Toxina botulínica (Botox)
Como é feito: assim como o Botox, é aplicado com injeções na região afetada, com anestésico tópico. O procedimento é feito em consultório por um dermatologista e dura 40 minutos.

Resultados: é considerado o melhor tratamento, pois elimina totalmente o suor enquanto durar o efeito. É preciso reaplicá-lo uma vez ao ano (a cada 10 meses, aproximadamente) e garante ótimos resultados, de forma que o paciente não apresenta nenhum suor e muitos não sentem necessidade de usar desodorante.

###Desodorantes com hidróxido de alumínio
Como é feito: aparenta um desodorante comum, porém, contém um composto químico chamado hidróxido de alumínio. Não é vendido pronto, e sim manipulado em laboratórios a partir de uma receita médica dada por um dermatologista.

Resultados: diminui a sudorese excessiva, mas não a elimina. Indicado para quem tem o problema de forma leve. Os resultados podem demorar até 90 dias para aparecer.

###Iontoforese
Como é feito: é um tratamento que pode ser feito em casa. A partir de placas elétricas colocadas nas palmas das mãos ou plantas dos pés (não é indicado para axilas), há a troca de carga elétrica da pele de positiva para negativa.

Resultados: diminui a sudorese em até 40%. As aplicações têm que ser feitas durante 15 minutos, diariamente. O tratamento está caindo em desuso pela falta de disponibilidade dos pacientes de fazer a aplicação todos os dias.

###Medicamentos (metabloqueadores e ansiolíticos)
Como é feito: os medicamentos metabloqueadores são largamente indicados para quem tem pressão alta, mas em doses menores podem ajudar a reduzir a sudorese excessiva. Os ansiolíticos (remédios que diminuem a ansiedade) também são indicados em alguns casos. Todos precisam ser tomados diariamente e necessitam de prescrição médica.

Resultados: os resultados mudam de acordo com cada paciente, mas podem diminuir a sudorese de 30% a 40%.

###Simpapectomia (cirurgia)
Como é feito: é o método mais invasivo. Feito em hospitais com aplicação de anestesia local, é realizada uma cirurgia diretamente na região e é eliminado o nervo responsável pelo controle do suor.

Resultados: elimina a sudorese quase completamente. Porém, há o risco de um efeito colateral chamado sudorese compensatória, quando outra região começa a suar no lugar daquela em que foi feita a cirurgia. Por exemplo, uma pessoa que foi operada nas axilas pode começar a ter sudorese na barriga.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Ação contra Lula tem “outras provas” e fica em Curitiba, diz Moro
BRASILEIRÃO SÉRIE D
Novo enfrenta o Sinop domingo buscando primeira vitória
ORDEM DO DIA
Mês Abril Verde dedicado à segurança do trabalho é aprovado na Assembléia
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Délia autoriza licitação para três obras na área em Dourados
INOVAÇÃO
Dia da Propriedade Intelectual destaca papel das mulheres
CÃES FAREJADORES
Mulher é presa com 22 quilos de skunk em rodovia do MS
EM ALTA
Juro do cartão de crédito e do cheque especial sobe em março
PENALIDADES
Prazo para enviar o IRPF 2018 termina em 4 dias
GUARDA MUNICIPAL
Violência contra a mulher é tema de palestra em curso
PROCON ESTADUAL
Supermercado reincidente é flagrado com irregularidades e tem multa ampliada

Mais Lidas

DOURADOS
Dono de barracão diz ter comprado reciclados sem saber de maconha
DOURADOS
Bombeiros encontram veículo incendiado durante treinamento próximo a pedreira
VIOLÊNCIA
Idoso é preso suspeito de estuprar menina de 9 anos
FRONTEIRA
FAB aborda e força pouso de avião suspeito de tráfico em MS