Menu
Busca quinta, 20 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221
SAÚDE DO PRESIDENTE

Com obstrução parcial em artéria coronária, Temer deve passar por cateterismo

11 outubro 2017 - 08h15Por Da Redação

O presidente Michel Temer (PMDB) está com uma obstrução parcial em uma artéria coronária e deverá ser submetido a um cateterismo nos próximos dias, conforme informa o portal G1.

Segundo a TV Globo, Temer chegou a estudar a realização do procedimento na última sexta-feira (6), porém, adiou o procedimento para depois da votação pela Câmara dos Deputados da denúncia por organização criminosa e obstrução de Justiça feita contra ele pela PGR (Procuradoria-Geral da República).

A votação deve ocorrer até o fim do mês para depois o presidente procurar o atendimento.

Ainda conforme o portal, o Palácio do Planalto declarou que Temer goza de perfeita saúde. E acrescentou que, nos exames, "não foi constatado nem reportado ao presidente nenhum problema”.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESPORTE
Abertas as inscrições para o estadual de beach tennis
APÓS CONFRONTO
Força Nacional é enviada ao Ceará para apoio nas ações de segurança
CAMPO GRANDE
TJ decide ser contra o desmatamento do Parque dos Poderes
DOURADOS
Após goteiras e reclamações, prefeitura anuncia melhorias estruturais no aeroporto
AGENDAMENTOS
Cassems alerta que falta a consultas sem justificativas atrapalha andamento das unidades de saúde
COMÉRCIO E WHATSAPP
Após série de denúncias, delegado faz alerta a novos golpes em Dourados
ESTADUAL DE FUTEBOL
Vitória garante ao Águia vaga antecipada para as quartas
ARQUITETURA & DESIGN
Juliana Saraiva fala sobre a importância de recepções nos consultórios
INFORME PUBLICITÁRIO
Além do conforto: troca de colchão proporciona qualidade de vida e evita doenças
Educação
Curso de Pós-graduação em Compliance Digital da Universidade Mackenzie no polo da Erasmo Braga

Mais Lidas

APÓS 9 ANOS
Hipermercado fecha as portas em Dourados no final do mês
DOURADOS
Policial aposentado mata homem e diz ter sido ameaçado com faca
VIOLÊNCIA
Homem é assassinado em frente a padaria em Dourados
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018