Menu
Busca quinta, 19 de abril de 2018
(67) 9860-3221

Cientistas descobrem 'superantibiótico' em sangue de pandas

03 janeiro 2013 - 12h13

#####Folha

Cientistas da Universidade Agrícola de Nanjing, na China, descobriram no sangue de um panda gigante um poderoso antibiótico capaz de matar bactérias e fungos.

Segundo os especialistas, a substância encontrada na corrente sanguínea desses mamíferos poderia ser a base para a criação de uma nova geração de medicamentos antibacterianos.

Ao analisar o DNA do panda, os pesquisadores encontraram o composto, denominado cathelicidin-AM, que "revelou uma atividade potencial antimicróbica contra um amplo espectro de micro-organismos, incluindo bactérias e fungos, tanto em suas versões comuns como nas variantes resistentes aos medicamentos", disse o médico Xiuwen Yan, responsável pelo estudo.

O cathelicidin-AM é liberado pelo sistema imunológico desse tipo de urso em estado selvagem, especialmente para protegê-los de infecções.

PRESERVAÇÃO

Os pandas gigantes estiveram à beira da extinção e hoje existem em torno de 1.600 animais nas florestas.

Yan, entretanto, descartou os temores de que, com a descoberta, possa haver uma caça maciça aos animais.

Ele explica que sua equipe de cientistas conseguiu sintetizar artificialmente o composto químico em laboratório, por meio da decodificação dos genes e, assim, produzindo uma molécula conhecida como peptídeo.

A ideia agora é desenvolver a substância como um novo remédio contra superbactérias ou como antisséptico para limpar superfícies e utensílios.

Os cientistas, entretanto, acreditam que ainda haja outros compostos a serem descobertos no genoma dos pandas.

Após a destruição dos bosques de bambu na China e no Sudeste Asiático, habitat natural desses animais, o número de ursos diminuiu consideravelmente.

Apesar de grandes somas de dinheiro investidas em projetos de preservação, houve pouco progresso nos últimos anos.

Segundo especialistas, os pandas dificilmente se reproduzem em cativeiro, além de apresentar um comportamento individual, o que dificulta a conservação da espécie.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ITAPORÃ
Ciclista é arremessado a 40 metros e morre após atropelamento na MS-156
ARTIGO
Tecnofam: falando a língua do homem do campo, por Renato Câmara
ANASTÁCIO
10 ficam feridos após reboque de caminhonete se soltar e atingir van
LÍNGUA
UEMS oferece curso gratuito de Inglês em Dourados e Campo Grande
SOLENIDADE
Brigada Guaicurus de Dourados realiza Formatura do Dia do Exército
INFLUENZA
Gripe H3N2 faz segunda vítima do ano em MS
RIGOR
Entra em vigor lei que aumenta pena para motorista embriagado
PRAZO
Inscrições para seleção de estagiário do TRE/MS terminam hoje
APARECIDA DO TABOADO
Corpo de jovem de 21 anos é encontrado boiando em rio
TEMPO
Quinta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados

Mais Lidas

ITAPORÃ
Mortos em troca de tiros após assalto eram de Dourados
SEGURANÇA PÚBLICA
Em comunicado, PCC convoca integrantes para “alerta geral”
DOURADOS
Após invadir Ceim, dupla ameaça vigia de morte e rouba equipamentos
TENSÃO EM MS
Presos tentam impedir pente-fino na PED, mas agentes fazem ‘limpa’