Menu
Busca Sábado, 20 de Janeiro de 2018
(67) 9860-3221

Câmara aprova MP que diminui preço da conta de energia

13 Dezembro 2012 - 09h06

A Câmara dos Deputados aprovou ontem, dia 12 de dezemnro, a Medida Provisória (MP) 579 que trata de concessões de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica com vencimento entre 2015 e 2017. A proposta também diminui encargos setoriais e reduz até 20% o preço da conta de luz a consumidores e empresas. Após a votação dos destaques, a matéria segue para votação pelo Senado.

A MP permite a renovação antecipada, por até 30 anos, de contratos de concessão nas áreas de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica e diminui o peso de encargos setoriais embutidos no preço final das tarifas, como a Reserva Global de Reversão (RGR), que será extinta. A prorrogação das concessões das usinas termoelétricas será até 20 anos.

Com a edição da medida provisória, o governo muda o Marco Regulatório do Setor Elétrico brasileiro e autoriza a União a adquirir créditos que as Centrais Elétricas Brasileiras S.A. (Eletrobras) detém com a Itaipu Binacional, como forma de compensar eventuais perdas na arrecadação.

A ideia é reduzir o custo da energia para estimular a atividade econômica. A expectativa do governo é que as medidas representem redução de 19% a 28% no preço da tarifa paga por grandes empresas. Para a conta de luz dos cidadãos, a diminuição pode chegar a 16,2%, de acordo com cálculos do Executivo.

Atualmente, as concessionárias recebem um valor referente ao investimento que foi feito na construção da hidrelétrica. Ele é pago em 20 ou 30 anos e está presente na composição do preço da energia produzida pela usina, sendo repassado para os consumidores. Com a MP, o governo pagará uma indenização às concessionárias referente aos investimentos que ainda não foram cobertos e não poderão mais ser cobrados.


Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Acidente entre carreta e moto deixa um morto e um ferido
Acidente entre carreta e moto deixa um morto e um ferido
MEDIDA
Projeto proíbe multa em fatura que vencer em fim de semana ou feriado
Projeto proíbe multa em fatura que vencer em fim de semana ou feriado
POLÍTICA
Temer se reúne no Alvorada com AGU e ministro da Justiça
Temer se reúne no Alvorada com AGU e ministro da Justiça
MS
Estado investe R$ 2 milhões na implantação de antiga estrada que beneficia três municípios
CAMPO GRANDE
Adolescente de 14 anos é morto em casa de shows
Adolescente de 14 anos é morto em casa de shows
INVESTIGAÇÃO
MP aponta interferência em gravações do dia em que Garotinho relata agressão
MP aponta interferência em gravações do dia em que Garotinho relata agressão
DOURADOS
Mulher é assaltado quando ia para o trabalho
Mulher é assaltado quando ia para o trabalho
INVESTIGAÇÃO
Comissão de Ética da Presidência julgará executivos afastados da Caixa
Comissão de Ética da Presidência julgará executivos afastados da Caixa
INOVAÇÃO
MS é o primeiro Estado do Brasil a emitir bilhete de passagem eletrônico para transporte rodoviário
ESPORTE
Comissão de Arbitragem divulga escala de jogo isolado da 2ª rodada do Estadual
Comissão de Arbitragem divulga escala de jogo isolado da 2ª rodada do Estadual

Mais Lidas

Homem é executado com 12 tiros de pistola 9 milímetros
DROGAS
Douradense é preso durante “Operação Tagi” desenvolvida pelo GAECO
GUERRA DE FACÇÕES
Justiça determina prisão de 11 envolvidos em morte brutal e liga crime ao PCC
Justiça determina prisão de 11 envolvidos em morte brutal e liga crime ao PCC
Morre em Dourados aos 66 anos Joãozinho Engraxate