Menu
Busca terça, 10 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
BRASIL

BNDES vai antecipar devolução de recursos para a União, diz Montezano

14 novembro 2019 - 17h05Por Agência Brasil

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai cumprir a meta de antecipação da devolução de recursos ao Tesouro Nacional. A informação foi dada pelo presidente do banco, Gustavo Montezano, durante a apresentação do balanço da instituição no terceiro trimestre de 2019. Até agora, já foram repassados R$ 100 bilhões. Até o fim do ano o volume vai alcançar R$ 123 bilhões. 

“A gente vai terminar o ano com a meta superada. A gente tinha o número de R$ 126 bilhões que colocamos como objetivo. Esse número será cumprido. O número redondo seria 123 bilhões de reais, mas como está antecipando, economiza uns meses de juros. Já está, totalmente, aprovado. Agora é só mero trâmite burocrático [para fazer a liberação], disse Montezano.

“A expectativa é que a gente pague até o final de novembro”, completou a diretora financeira do BNDES, Bianca Nasser.

Além disso, o BNDES pagará R$ 9 bilhões ao governo federal, a título de adiantamento de dividendos. Com isso, os recursos pagos ao Tesouro chegarão a R$ 132 bilhões em 2019. A título de dividendo obrigatório relativo ao lucro de 2018, nos primeiros nove meses de 2019, o BNDES pagou ao Tesouro Nacional R$ 1,6 bilhão. Já quanto ao lucro apurado no primeiro semestre de 2019, o banco efetuou pagamento de R$ 1,8 bilhão. Parcela adicional de dividendos de R$ 6 bilhões está aprovada para pagamento no último trimestre do ano.

“Além do Tesouro a gente também está pagando 60% do lucro acumulado no primeiro semestre. Somando o repagamento ao tesouro e os dividendos pagos este ano, tanto referentes a 2018, quanto ao primeiro semestre de 2019, a gente vai totalizar o pagamento de R$ 132,5 bilhões à União. A gente considera que essa meta será superada”

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARANAÍBA
Homem é preso tentando furtar caixa de cerveja de conveniência
ECONOMIA
Governo revisa economia com reforma da Previdência para R$ 855 bi
TRÊS LAGOAS
Trabalhador morre em turbina de hidrelétrica em MS e polícia investiga
PESQUISA
Oito em cada dez pessoas já leram notícias falsas em redes sociais
RIBAS DO RIO PARDO
Furtou caixa de som da prefeitura e foi preso por série de furtos
POLÍTICA
Comissão aprova projeto de Nelsinho Trad, que prevê ginástica laboral
PARANAÍBA
Homem é preso por furtar saco de cimento de Centro de Educação Infantil
RECEITA FEDERAL
Cerca de 700 mil contribuintes caíram na malha fina em 2019
SAÚDE
Enfermeira é flagrada dormindo em UPA e secretaria diz que era intervalo
PARCERIA
BB prorroga condições da Semana de Negociação até O fional do ano

Mais Lidas

FRONTEIRA
Três são indiciados pelo homicídio de adolescente esquartejado
RENÚNCIA FISCAL
Benefício fiscal para cerveja custou R$ 2,8 bilhões em quatro anos
SOLIDARIEDADE
Família de Gugu Liberato planeja campanha de doação de órgãos
POLÍTICA
Podemos decide expulsar o deputados Marco Feliciano do partido