Menu
Busca quarta, 12 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221

BIRD e BID liberam US$ 7 bilhões para o Brasil

09 agosto 2002 - 13h03

O Banco Mundial (Bird) e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) anunciaram hoje a liberação do total de US$ 7 bilhões para o Brasil, US$ 3 bilhões a mais do que estava previsto. A informação vem dois dias depois do anúncio de empréstimo de mais US$ 30 bilhões do FMI (Fundo Monetário Internacional) ao Brasil.
O dinheiro do BID e do Bird deverá ser usado em programas especiais de cooperação e desenvolvimento nos próximos 18 meses.
A informação foi divulgada em nota conjunta dos ministérios da Fazenda e do Planejamento.
O Banco Mundial vai oferecer US$ 4,5 bilhões, dos quais US$ 2 bilhões "adicionais aos recursos regularmente alocados", segundo a nota.
O BID prevê recursos de US$ 2,5 bilhões, dos quais US$ 1 bilhão também em dinheiro adicional.
"Os recursos serão desembolsados no contexto de projetos a serem negociados individualmente pelas instituições em suas áreas de trabalho", afirma a nota.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Glenda Kozlowski coloca o bronzeado em dia no Rio de Janeiro
CULTURA
Cineclube UFGD encerra 2018 com o filme Feliz Natal
CORRUPÇÃO
Desembargadora Tânia Borges é alvo de novo processo no CNJ
PETRECHO PROÍBIDO
Ambiental apreende 200 metros de redes de pesca no Rio Paraguai
AEM/MS
Agência realiza fiscalização de brinquedos para o Natal em Dourados
CRIME AMBIENTAL
Dois são autuados com capivara que tinham acabado de abater
QUASE
Avião agrícola cai em lavoura e fica destruído; piloto ficou ferido
PROCESSO SELETIVO
Sesc abre vagas de professor temporário com salários de R$ 4,9 mil
BORORÓ
Adolescente morre afogado quando se banhava com amigos em lagoa
PRIVILÉGIO
Comissão da Câmara aprova restrição de foro a chefes dos três Poderes

Mais Lidas

DOURADOS
Contador e esposa são presos na segunda fase da Operação Pregão
DOURADOS
Polícia prende acusado de agredir e esfaquear idosa em assalto
DOURADOS
Justiça negou pedido de restituição do cargo a ex-contador da prefeitura um dia antes de sua prisão
NOVOS ALVOS
MP cumpre mandados em nova operação em Dourados