Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
(67) 99659-5905

Base tenta deixar MPs sob controle do Executivo

01 junho 2011 - 18h00

A base aliada do governo no Senado trabalha para evitar que o Palácio do Planalto perca poderes na edição de medidas provisórias.

Walter Pinheiro (PT-BA) apresentou emenda para tirar da proposta que muda o trâmite de MPs a criação de comissão de parlamentares que pode decidir sobre a validade de cada medida.

Pelo texto original, a comissão de 24 congressistas poderia rejeitar MPs que não seguissem os critérios de "urgência e relevância" definidos na Constituição.

Com isso, a MP viraria projeto de lei, sem vigorar de imediato. A análise teria de ocorrer em dez dias.

A presidente Dilma Rousseff ficou irritada com o teor da proposta, de autoria do senador Aécio Neves (PSDB-MG). Para o Planalto, a comissão pode dificultar a tramitação das MPs.

Para Aécio, "não se pode mais ficar nesse impasse patético tendo de discutir MP de olho no relógio".

Pinheiro disse que apresentou a emenda para evitar o "engessamento". "Não concordo que um plenário de 24 parlamentares seja mais importante que os plenários das duas Casas."

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Bolsonaro diz que pode vetar trechos do PL das Fake News
MATO GROSSO DO SUL
Índices de roubos e furtos em MS continuam em queda durante isolamento social
INFORME PUBLICITÁRIO
União Pneus é melhor opção de recauchutagem e consertos há quase quatro décadas
INFORME PUBLICITÁRIO
Quero Bolsa oferece até 50% de desconto para estudar na UCDB
SISU 2020
Consulta de vagas do sistema está disponível; inscrições ocorrerão de 7 a 10 de julho
PRÊMIOS
Loteria Federal retoma sorteios amanhã
BRASIL
Pandemia vai afetar todas as áreas da educação no país, diz Inep
MATO GROSSO DO SUL
Povo terena celebra asfalto após 40 anos de luta
CAMPO GRANDE
Justiça concede R$ 300 mil a membros de família sobreviventes de acidente
CORUMBÁ/LADÁRIO
Carros de aplicativos são autuados durante fiscalização

Mais Lidas

DOURADOS
Decretos sobre aglomerações, igrejas e comércio terão mais 10 dias de vigência
PANDEMIA
Dourados tem quatro mortes por Covid em 24 horas, uma das vítimas médico
DOURADOS
Comerciante encontra homem morto ao chegar para abrir estabelecimento
20 VEÍCULOS
"Bonde do contrabando" é apreendido abarrotado de produtos do Paraguai