Menu
Busca quinta, 17 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
BRASIL

Armas de agressor de violência doméstica terão que ser apreendidas

09 outubro 2019 - 08h48Por Agência Brasil

O Diário Oficial da União publica hoje (9) lei sancionada pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, que altera a Lei Maria da Penha, para prever a “apreensão imediata de arma de fogo sob a posse de agressor em casos de violência doméstica”.

O texto sancionado manda verificar se o agressor possui registro de porte ou posse de arma de fogo e, na hipótese de existência, juntar aos autos do processo investigativo essa informação.

A lei determina também que a instituição responsável pela concessão do registro ou da emissão do porte, nos termos do Estatuto do Desarmamento, seja notificada da ocorrência.

Segundo o projeto Relógios da Violência do Instituto Maria da Penha (IMP), a cada 7,2 segundos uma mulher sofre agressão física no Brasil.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UEMS
Apresentação de dança ajuda na construção do Hospital de Amor de Dourados
ECONOMIA
Setembro tem a maior criação de emprego para o mês desde 2013
NAVIRAÍ
Médico diz que ganha pouco, se recusa a atender grávida e acaba preso
JUSTIÇA
Banco deve encerrar financiamento estudantil e indenizar acadêmico
COTAÇÃO
Dólar fecha em alta após dia de sobe e desce
ECONOMIA
Dourados é responsável por mais de um terço dos empregos criados no Estado em setembro
CONTRABANDO
Veículos abarrotados com quase meio milhão de maços de cigarros são apreendidos
FRONTEIRA
Pai e filho são presos por envolvimento em assassinato de idoso
SAÚDE PÚBLICA
Prazo para exames de diagnóstico de câncer pelo SUS em 30 dias é aprovado no Senado
CRISE NO PSL
Delegado Waldir permanecerá como líder do PSL na Câmara

Mais Lidas

DOURADOS
Ciclista morre no HV após ser atropelado por ônibus
POLÍCIA
Irmãos são detidos após polícia encontrar droga no Jardim Flórida
DOURADOS
UPA passa a atender apenas casos de urgência e emergência
EXPULSÃO
Chefão do narcotráfico é entregue à Polícia Federal brasileira