Menu
Busca sexta, 21 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Bebê é assassinado na Colômbia por causa de 8 dólares

07 março 2005 - 15h08

Três homens mataram um bebê de nove meses num bairro popular de Bogotá devido a uma dívida de 8 dólares contraída pelo pai da criança, informou hoje, segunda-feira, a polícia colombiana. O crime aconteceu no domingo à noite, no bairro San Cristóbal, no sul de Bogotá, onde os três homens, aparentemente embriagados, chegaram a uma loja para cobrar 20.000 pesos (cerca de 8 dólares) do dono do estabelecimento.
O coronel da polícia William Moncada destacou que, segundo testemunhas, o dono da loja disse que não tinha dinheiro para pagar a dívida, razão pela qual os três homens o atacaram com uma faca e, em seguida, feriram o bebê, que dormia em um carro.
O menino foi levado a um hospital próximo, mas morreu pouco tempo depois. "A intolerância e a brutalidade das pessoas faz com que, por causa de uma dívida de 10.000 ou 20.000 pesos, se tire a vida de uma criança", declarou o coronel Moncada, que acrescentou que um suspeito do crime foi detido.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
TAC prevê contratação emergencial de estagiários para fim da greve na educação infantil
ESPORTE
Nadador de MS disputa competição no Peru com a seleção brasileira
DOURADOS
Campanha quer incentivar participação de mais mulheres na política
DOURADOS
TJ decide em março se vereadores devem receber salários por período presos e afastados
DICAS
Fique atento: informação e planejamento podem garantir uma boa viagem no Carnaval
DOURADOS
Troco Solidário Abevê repassa valor a instituição
Saúde e Bem-estar
Unimed Dourados renova com a Sanesul e Sicredi Centro-Sul MS
NEGÓCIOS & CIA
Certificado Digital Agiliza: a abertura e gestão de empresas
TRÁFICO
Homem é preso com cocaína em fundo falso de veículo
EDUCAÇÃO
Prefeitura de Dourados começa a receber os kits escolares

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher ameaça se jogar de torre no Jardim Guaicurus
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018
DOURADOS
Fechamento e promoções levam multidão a fazer fila em hipermercado
DOURADOS
Polícia vai ao Guaicurus e prende condenado por pedofilia