Menu
Busca terça, 19 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221

Autoridades precisam agir com firmeza em relação ao HE

15 junho 2015 - 06h23

As autoridades responsáveis precisam definir de uma vez por todas como agir em relação aos constantes ‘calotes’ dados pelo Hospital Evangélico em relação a seus funcionários e empresas terceirizadas que prestam serviço àquela unidade de saúde. O dinheiro mal administrado deixou rombo que até o momento não conseguiu ser tapado.

E quem sofre com isso é a população, que a cada dia se olha mais acuada em relação a saúde pública no município.

Quando as ‘brigas’ entre prestadores de serviço acabam, mesmo que momentaneamente no setor onde é feita a oncologia, os pacientes da Clínica do Rim são ameaçados com a paralisação de seus serviços.

Então, vamos bater na mesma tecla. Se o dinheiro destinado a essas empresas são depositados pelo Ministério da Saúde e repassados pela prefeitura ao hospital corretamente, o que motiva então, esse atraso constante no pagamento às prestadoras de serviço?

É necessário uma solução por parte das autoridades públicas.

Se o Hospital Evangélico possui dívidas bancárias e outros compromissos financeiros que atrapalham o repasse e funcionamento das terceirizadas, qual o motivo de não se procurar outro hospital e credenciá-lo ao Ministério da Saúde criando uma segunda alternativa?

Parece que existem mais coisas envolvidas nessas questões além dos problemas econômicos enfrentados pelo HE, pois não é possível insistir tanto em algo sem solução momentânea.

E podemos ter certeza, que nos próximas semanas, novos capítulos desta novela vão ao ar.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Moto é furtada 30 minutos após homem estaciona-la em conveniência
OPINIÃO
O meio ambiente e as mazelas da sociedade contemporânea, por Douglas Martins
SAÚDE
Cabelos brancos demandam cuidados específicos?
OPORTUNIDADE
Fundação do Trabalho tem aumento de 51% no número de pessoas encaminhadas para o mercado
MINAS GERAIS
Histíoria e religião: conheça um pouco da cidade de Ouro Preto
CRIME AMBIENTAL
Três são multados por desmatamento e maus-tratos na criação de animais
TRÊS LAGOAS
Sem CNH e bêbado, homem não consegue fazer teste do bafômetro
MODA
Esporte nas ruas: saiba como introduzir as roupas fitness no seu dia a dia
SHOWBIZZ
Saiba detalhes da separação envolvendo José Loreto e Débora Nascimento
COMER BEM
Bolinho de pamonha: receita prática de petisco

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Motociclista atropela, mata criança de 1 ano em Dourados e foge do local
DOURADOS
Motorista tenta desviar de outro veículo e bate carro em árvore
NOVA ANDRADINA
Mãe de 16 anos mata filha de apenas 21 dias
DOURADOS
Um ano após pedido de demissão, ex-secretário de Délia retorna à prefeitura