Menu
Busca quarta, 18 de setembro de 2019
(67) 9860-3221

Assembléia vota reajuste de servidores na próxima semana

03 dezembro 2003 - 18h10

A Assembléia Legislativa de Mato Grosso do Sul deve votar, na próxima semana, projeto de lei do governo estadual que prevê reajuste salarial para os servidores públicos do Estado. A mensagem do governo, protocolada na Mesa Diretora da semana passada, deve ir a plenário entre terça-feira e quinta-feira, conforme previu ontem o presidente da CCJ (Comissão de Constituição de Justiça), Antônio Carlos Arroyo (PL). Arroyo informou que ainda não teve acesso aos índices de reajuste dos servidores, mas espera que os técnicos da área econômica do governo compareçam na Casa para discutir o projeto com os parlamentares. O projeto do Poder Executivo beneficiará cerca de 40 mil servidores da Educação e Segurança Pública, que terão reajuste médio de 10% a partir de janeiro. Os policiais militares, por exemplo, terão reajuste linear de 12%, os professores 15% e os funcionários administrativos uma correção de até 74% nas distorções salariais.De acordo com o governo, a folha de pessoal, a partir do reajuste, terá um impacto de R$ 5,4 milhões, passando dos atuais R$ 60 milhões para R$ 65 milhões. O maior reajuste a ser concedido contempla os professores da rede estadual de ensino, que terão os salários reajustados em 15%, dividido em três fases (janeiro, fevereiro e março). No total, serão beneficiados 20 mil professores. Ainda conforme a mensagem do executivo, os policiais civis e militares terão reajuste linear de 12%. Pela proposta, na PM, um soldado terá aumento de 15%, com o salário passando de R$ 860 para R$ 989. O salário do cabo terá reajuste de 11,6%, de R$ 1.254 para R$ 1,4 mil. O projeto prevê ainda que o maior salário, com o reajuste, será o de coronel, que atingirá R$ 6.264. Na Polícia Civil, o salário de agente chegará a R$ 1.038 e o de perito, R$ 1.911.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
Namorada do sertanejo Sorocaba chama atenção na web pela beleza
MUNDO NOVO
Bebê morto após ser espancado também foi violentado sexualmente
SUPREMO
STF julga até novembro se anula condenação de Lula, diz Gilmar Mendes
CAPITAL
Estudante filmado agredindo jovem é condenado a 4 anos de prisão
QUEIMADAS
MS terá aeronave e 34 bombeiros do DF para combate a incêndios
INTOLERÂNCIA
Aluna é barrada em escola estadual por usar calça rasgada
CONGRESSO
Senado recua e desiste de mudanças que reduziam transparência nas eleições
CASSEMS
Roda de conversa, programa ‘Casal Grávido’ orienta pais e mães
ECONOMIA
Mato Grosso do Sul aumenta em 46% volume de exportações de janeiro a agosto
POLÍCIA
Ladrões feridos em assalto a loja de locação morrem no Hospital da Vida

Mais Lidas

DOURADOS
Carro roleta Marcelino, bate em moto e deixa jovem ferida
EMPREENDENDO NO BAIRRO
Distante 8 km do Centro, moradores do Parque II só sentem falta de lotérica no comércio do bairro
IVINHEMA
Pescador encontra cadáver às margens de rio e informa a Polícia
FRONTEIRA
Empresário brasileiro atacado por pistoleiros não resiste a ferimentos e morre