Menu
Busca quarta, 20 de novembro de 2019
(67) 9860-3221

Alta da soja poderá fazer de 2013 o ano do agronegócio

31 dezembro 2012 - 14h14

Os preços recordes da soja anima produtores de Mato Grosso do Sul. De acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a área com a oleaginosa na safra 2012/2013 já chega a mais de dois milhões de hectares, crescimento de 14% frente os 1,8 milhão plantados na 2011/2012. Com antecipação das vendas, a soja poderá impactar positivamente a economia do Estado, fazendo de 2013 o ano do agronegócio.

“Quem tinha 500 hectares mas plantava só 300, plantou os 500; outros arrendaram terras, investiram em tecnologia para colher mais. Aqui, muitos foram os que buscaram uma forma de aumentar a produção, de olho nos bons preços”, conta o encarregado de peças da empresa New Holland em Sidrolândia, Valdeci Baldo, que viu crescer o volume de vendas de maquinários no último ano, por conta do cenário.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÊS LAGOAS
Dupla armada rende família para roubar joias, celulares e dinheiro
EDUCAÇÃO
IFMS divulga locais de prova do Exame de Seleção 2020
NORTE DE MS
Após 14 anos, MS registra casos de raiva bovina, com quatro mortes
SELEÇÃO
Comarca de Angélica abre processo seletivo para estagiários de Direito
CORUMBÁ
Mulher é arrastada após ficar com braço preso no carro do ex-namorado
DOURADOS
Mulheres são presas com maconha dentro de ônibus
BRASIL
CCJ da Câmara aprova PEC da prisão em segunda instância
RIBAS DO RIO PARDO
Homem é preso após comprar catuaba para adolescentes
GOVERNO PRESENTE
Murilo ressalta obras e diz que novos projetos estão em construção em Dourados
MATO GROSSO DO SUL
Seminário debate atenção às mulheres em situação de violência no dia 29

Mais Lidas

ESTELIONATO
Suspeita de aplicar golpes em Dourados é presa na Paraíba
OPERAÇÃO PATRON
Dono de loja de importados na fronteira também é alvo de operação
TENTATIVA DE FEMINICÍDIO
Ex esperou mulher chegar de curso para tentar matá-la no Estrela Verá
OPERAÇÃO PURIFICAÇÃO
Justiça Federal aceita denúncia contra cinco suspeitos de corrupção na Funsaud