Menu
Busca segunda, 17 de junho de 2019
(67) 9860-3221
UNIGRAN

Acadêmicos de Arquitetura e Urbanismo visitam Conjunto Histórico e Paisagístico de Corumbá

27 setembro 2017 - 15h45Por Da redação

Os acadêmicos do curso de Arquitetura e Urbanismo da Unigran realizaram uma visita técnica no Conjunto Histórico, Arquitetônico e Paisagístico em Corumbá. A atividade teve como objetivo principal proporcionar aos estudantes, experiência e percepção dos conhecimentos adquiridos nas disciplinas de Técnicas de Retrospectivas I e II.

De acordo com a professora Luzia Arnez, responsável pela organização da viagem de estudo, através do contato direto com os monumentos históricos, é possível fazer a abordagem do surgimento e valorização da conservação do patrimônio sul-mato-grossense. “As edificações são testemunhas que demonstram a importância da cultura marcada nos espaços, na expressão de monumentalidade criada pelo homem”, salienta.

A cidade de Corumbá tem um acervo arquitetônico construído ao longo dos anos, representando testemunho histórico, cultural e artístico e que registra a cultura do sul-mato-grossense através da arte. Os alunos tiveram uma palestra técnica no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), com a chefe do escritório técnico da cidade, a antropóloga Edvania Freitas de Jesus, que conduziu os acadêmicos em um circuito histórico do patrimônio tombado.

Os estudantes visitaram a sede do Iphan, a casa Dr. Gabi, o Forte Junqueira – 17º BFron (Batalhão de Fronteira – Exército Brasileiro), Casa Vasquez & Filhos (sede do Instituto do Homem Pantaneiro), além de um passeio pelo Rio Paraguai.

Aluno do 8º semestre de Arquitetura, Munir Ibrahim foi um dos participantes dessa viagem e, para ele, contribuiu bastante para a formação acadêmica. “A proposta dessa aula cultural foi muito importante para mim e pude compreender a importância do patrimônio histórico como registro de uma cultura/período o que é retratado pela história e materializado pela arquitetura e urbanismo do local”, afirma.

Ainda segundo Ibrahim, o contato com soluções arquitetônicas de mais de um século, quando ainda nem havia tecnologia, em que os arquitetos buscavam através de tipologias construtivas e ecléticas foi extremamente válido. “As tipologias eram bem diferentes entre si, com pés-direitos duplos, roda-forros vazados, portas e janelas de grandes dimensões e com ventilação cruzada, tudo isso acompanhado das paisagens do Pantanal, são lições históricas da arquitetura que eu vou levar para minha vida profissional”, ressalta.

A viagem de estudo possibilitou a formação de um repertório histórico e cultural dos acadêmicos, e os colocou em contato com profissionais das áreas de preservação e restauro do patrimônio histórico e artístico que estão atuando na região de Corumbá, propiciando assim, o conhecimento das soluções específicas a cada projeto visitado.

Para Jonathan Gonçalves Cardoso, também aluno do 8º semestre, foi muito proveitoso conhecer, de perto, toda a história de Corumbá. A viagem, segundo ele, proporcionou aprofundamento no conhecimento adquirido durante aula, no semestre anterior. “Nós aprendemos sobre os livros de restauro e todo o trabalho que o Iphan desenvolve dentro da preservação histórica e, nesta visita, vimos isso na prática”, diz.

Além disso, Cardoso destaca que a história da cidade mostrada diante dos vários processos de crescimento urbano em que passou, os impactos que o porto teve no desenvolvimento de Corumbá, sendo um dos mais importantes da América Latina, é de extrema importância para a formação profissional do grupo.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIOLÊNCIA
Na fronteira, dois corpos são encontrados em distância de 100 metros
BALANÇO
Vacinação contra a gripe ultrapassa 90% de cobertura em Dourados
SEGUNDA SEM CARNE
Receita: Quibe de berinjela
BRASIL
Maia diz que comissão pode aprovar Previdência na semana que vem
REGIÃO
Funtrab tem 419 vagas de emprego em todo o MS
CASSEMS
‘Cozinha Experimental’ ensina receitas saudáveis a base de biomassa de banana verde
TRÊS LAGOAS
PMA autua infrator em R$ 5 mil por incendiar resíduos em terreno com prejuízo à vizinhança
BRASIL
Exportações brasileiras crescem 10% em maio com vendas para os EUA
DIA DA MANICURE
Homenagem à manicure
MATO GROSSO DO SUL
Relação de aprovados no Programa de Estágio Remunerado da PGE já está disponível

Mais Lidas

PARAGUAI
Motim termina com 10 mortos e presos queimados e decapitados
AQUIDAUANA
Douradense desaparece nas águas do rio Aquidauana durante banho
POLÍCIA
Casal contratado para levar maconha até Campo Grande é preso em Dourados
FURTO
Jovem é preso enquanto furtava bicicleta dentro de residência em Dourados