Menu
Busca quarta, 26 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Acadêmica realiza pesquisa em estabelecimento penal

11 dezembro 2003 - 14h27

A acadêmica do 8° semestre curso de Serviço Social da Universidade Católica Dom Bosco, Joice Foncesa, desenvolveu uma pesquisa no EPFIIZ - Estabelecimento Penal Feminino “Irmã Irma Zorzi”, com o objetivo verificar as principais causas do aumento de mulheres na prisão. A analise parcial foi feita com base na vida 12 internas, através de 10 entrevistas com questões abertas e fechadas. O intuito foi analisar o passado, história de vida antes da prisão; o presente, dia-a-dia da mulher encarcerada, as principais necessidades e a sua visão enquanto presidiária e por fim as perspectivas para o futuro fora da prisão e o retorno à sociedade. Os resultados da pesquisa mostraram que de modo geral essas mulheres são procedentes das camadas sociais menos favorecidas e que de alguma forma, algum fato contribuiu para a sua entrada no crime. A pesquisa possibilitou investigar as motivações da conduta delitiva da mulher e através do desenvolvimento evolutivo da mesma, estabelecer uma trajetória, onde diversos aspectos da vida contribuíram para o crime.

Deixe seu Comentário

Leia Também

OUSADIA
Ladrões invadem casa em bairro da Capital e roubam de revólver a SW4
QUARTA-FEIRA DE CINZAS
Douradenses fazem filas em agências bancárias após Carnaval
CLIMA
Defesa Civil emite alerta de chuvas e ventos fortes para quase 40 municípios de MS
EDUCAÇÃO
UEMS publica a terceira Chamada da Lista de Espera do Sisu
PONTA PORÃ
Fugindo da polícia, assaltantes cruzam fronteira e um morre
DOURADOS
Cadastro de biometria pode ser feito aos sábados a partir deste fim de semana
ITAHUM
Motorista é preso em Dourados com carga de pesticida contrabandeado
POLÍTICA
Bolsonaro é criticado após divulgar vídeo com chamado para manifestação
CAPITAL
Policial é ferido com caco de vidro no pescoço ao dispersar foliões
FUTEBOL
Em crise, Corinthians encara o Santo André pelo Paulistão

Mais Lidas

DOURADOS
Ex-prefeito de Amambai não resiste e morre no Hospital do Coração
MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
ATENTADO
Aeronave pousa em Dourados e fica a disposição de Lanzarini
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar