Menu
Busca terça, 12 de novembro de 2019
(67) 9860-3221
NEGÓCIOS & CIA

Esperança e resistência.

30 outubro 2019 - 09h47Por MOLT Engenharia Sustentável
Mais que uma empresa, a MOLT é um símbolo de protagonismo, disrupção e de esperança para todos que buscam por desenvolvimento no nosso MS.
 
Como já dito, a MOLT vem para "dar espaço a algo novo". Mais que isso, a empresa vem para que paradigmas e comodismos que causam o estagnamento de Dourados, do MS ou até do Centro-Oesta, possam ser quebrados. Para que mais nós possamos ser referência a nível nacional em mais do que só no mundo AGRO.  
Nossa boa e velha mistura de inconformismo, indignação, são fundamentadas nas experiências internacionais que cada um dos sócios da empresa tiveram. Samuel, CEO da empresa, além de graduado pela Universidade de São Paulo (USP), foi estudar em Denver no Colorado, Estados Unidos. João Hélio também passou por Denver, além de ser fruto da segunda turma de Engenharia de Energia da Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), onde conheceu o Germano, seu companheiro de curso que teve sua experiência no exterior no Canadá. 
 
Todos os sócios são unânimes em perceber e dizer que não há diferença alguma entre as pessoas brasileiras e as pessoas de qualquer lugar do mundo. Não existe motivo para que nossa região, tendo o potencial humano que estamos desenvolvendo em nossas universidades, não seja um polo de desenvolvimento de tecnologia nas mais diversas áreas. Mais que isso, é um lamentável desperdício, vermos nossos jovens talentos serem desmotivados pela evidente falta de oportunidade, falta de opção, falta de ambientes ondem possam se desenvolver e performar assim como foram formados ao longo da graduação.
Nossa empresa tem algo além da vontade de mudar, encaramos isso como obrigação. Nós fomos afortunados com ótimas formações acadêmicas em universidades públicas. Ou seja, muito foi investido em cada um de nós; e tudo bom investimento deve trazer retorno para o investidor e no nosso caso, assim como nossos jovens talentos regionais, nossos investidores foi a sociedade. Portanto, nosso retorno deve ser grande, deve ser sentido por cada um de nós. Faremos do mundo um lugar melhor.
 
Além do compromisso com o meio ambiente, com a sustentabilidade e com a inovação a MOLT se compromete com você; quer ver nossa cidade e região prosperar; que quer ver todo jovem que escolheu uma profissão, poderem exercer essa determinada profissão. Somos resistência. Hoje militamos para que Engenheiros possam ser Engenheiros, para que o conhecimento e potencial dos nossos jovens sejam instigados e gerem frutos; e que esses frutos sirvam para o deleite de todos, trazendo conforto, desenvolvimento tecnologico, aumento da consciência sustentável da região e consequentemente, um ganho significativo na economia e infraestrutura de Dourados, do MS e de todo o Centro-Oeste. 
 
Não estamos sozinhos. Você que está conosco, se manifeste, nos procure para que possamos não só sonhar, mas planejar como e quando iremos construir as bases para um futuro mais prospero e sustentável para nós todos.
 
Mais informações no Facebook ou www.molt.com.br
 

Leia Também

MUNICÍPIOS
Nelsinho Trad consegue recursos de R$ 1,4 milhão da União para MS
TRÊS LAGOAS
Homem é preso em flagrante por passar a mão nas partes íntimas de diarista
AGEPAN
Empresas de transporte têm até 24 de dezembro para requerer autorização
APOSENTADORIA
Congresso Nacional promulga nesta terça-feira a reforma da Previdência
REGIÃO
Marçal Filho espera que CPI da Energisa seja aberta esta semana
FRONTEIRA
Jovem é preso com 304 quilos de maconha que iria para São Paulo
POLÍTICA
Acolhimento Familiar será tema de Seminário na Câmara de Dourados
BRASIL
Medida provisória que extingue o Dpvat é assinada por Bolsonaro
JUSTIÇA
Semana da Conciliação em MS totaliza R$ 6,6 mi em acordos
CAPITAL
Morre bebê vítima de acidente causado por PM e família doa órgãos

Mais Lidas

DOURADOS
Acidente mata uma pessoa próximo a Embrapa
BR-163
Motorista morre ao bater de frente com carreta em Dourados
PONTA PORÃ/PEDRO JUAN
Três são assassinados e um bebê fica ferido em "domingo sangrento" na fronteira
DOURADOS
Justiça manda município pagar salário a guarda municipal preso por tráfico