Menu
Busca domingo, 21 de julho de 2019
(67) 9860-3221
EXPOAGRO DOURADOS

Para vencer a escassez de trabalho em Aquidauana, Andressa e Vanderlei encaram rotina itinerante em feiras

15 maio 2019 - 15h50Por Vinicios Araújo

O mercado de trabalho não está fácil para ninguém e todo mundo sabe. No Brasil são mais 13 milhões de desempregados, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), e para superar a escassez de oportunidades na cidade de Aquidauana, a Andressa Prado, 31, e o Vanderlei da Silva, 36, encontraram na rotina itinerante uma saída para a desocupação. 

Eles trabalham para uma pastelaria que participa de feiras pelo Estado. Os dois contaram ao Dourados News que iniciaram o trabalho há poucos meses e que a experiência tem sido agradável. O maior desafio mesmo é a falta de estrutura adequada para acomodação nos locais dos eventos.

Para a Andressa, que antes trabalhava como pizzaiola, viajar tem sido bastante prazeroso. Ela define como uma aventura e ressalta: “é muito bacana para quem gosta”. Ela está nesse mercado há dois meses e já participou de três eventos: um em Sidrolândia, outro em Maracaju e agora na 55ª edição da Expoagro. 

Ela relembra que desde pequena via os pais, os tios e outros familiares pegarem estrada levando para feiras do Brasil parques de diversão. E por falar em família, para vencer a saudade de casa o jeito é contar com a tecnologia. 

“A gente consegue amenizar com o WhatsApp né. Dá pra fazer uma videochamada, ver todo mundo, saber como todo mundo. Eu mesmo tenho cinco filhas e sinto muita falta delas, mas infelizmente na minha cidade não tem emprego, lá está difícil”, disse.

Para o Vanderlei, a experiência itinerante tem sido inovadora. Calouro em matemática pela UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) no campus de Aquidauana, o trabalhador diz estar curtindo as diferentes culturas do Estado. 

“É um mesmo estado, mas os costumes são diferentes, a forma das pessoas se comunicarem, a cultura é diferente”, disse. 

Sobre o povo douradense, a dupla disse ter encontrado pessoas bastante educadas. “Pessoal aqui é bem gente boa”, concluiu Andressa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU!
Sereia! Ex-BBB Carol Peixinho faz foto embaixo d'água e ganha elogios
PARANAÍBA
Caminhão bate frontalmente com motocicleta e rapaz morre em rodovia
MEIO AMBIENTE
Fazendeiro é multado em R$ 5,5 mil por exploração ilegal de madeira
DOURADOS
Garantidos recursos para 1ª etapa do Hospital da Mulher e da Criança
RIBAS DO RIO PARDO
Avô e neta morrem após caminhonete bater de frente em carreta
CONCURSO
Ao menos 12 órgãos abrem inscrições para preencher quase 800 vagas
AMAMBAI
Morto a tiros em frente a conveniência era 'braço direito' de Jarvis Pavão
FESTA
Arraiá Universitário da UFGD será realizado nos dias 02 e 03 de agosto
GENERAL OSÓRIO
Mulher de 57 anos é assaltada quando trafegava de bicicleta
PRAZO
Inscrição para professores fiscalizar provas do Enem termina amanhã

Mais Lidas

TRÂNSITO
Mulher morre após acidente entre carro e moto
DOURADOS
Guarda flagra rapaz empurrando moto e descobre que veículo era furtado
LAGUNA CARAPÃ
Homem chega alterado em casa, bate na mãe e é preso
CLONE
Veículo roubado no Brasil é recuperado com deputado paraguaio