Menu
Busca quarta, 13 de novembro de 2019
(67) 9860-3221

Usina de açúcar e álcool é autuada em R$ 45 mil por incêndio

18 maio 2011 - 13h31

Policiais Militares Ambientais de Naviraí receberam denúncia, por meio do administrador da Fazenda Cruzeiro, de que um incêndio havia penetrado na reserva legal da fazenda. Os policiais foram ontem à tarde ao local e perceberam que uma queimada realizada na palhada da cana-de-açúcar por funcionários da empresa sulcroalcooleia Infinity Agrícola S.A havia saído do controle e queimado 6 hectares da área de reserva legal fazenda Cruzeiro.

Embora houvesse autorização para a realização da queimada, a PMA efetuou um auto de infração administrativo e multou a usina Infinity em R$ 45.000,00, devido a destruição da vegetação nativa da fazenda vizinha.

Os responsáveis pela queimada poderão responder por crime culposo de provocar incêndio em mata ou floresta. A pena é de 06 meses a 01 ano de detenção

Deixe seu Comentário

Leia Também

EDUCAÇÃO
Prazo para inscrições em prêmio da Capes termina hoje
CAARAPÓ
Polícia apreende maconha e skunk em caminhonete
PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA
Veículos pesados terão restrição de tráfego nas BR's de MS por três dias
ASSEMBLEIA
Projeto do Executivo que altera tributos é aprovado
BRASIL
Gabaritos oficiais do Enem já estão disponíveis na internet
PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA
Mais de 200 mil veículos devem passar pela BR-163 durante o feriado
DOURADOS
Catarinense é preso com maconha dentro de ônibus
CONTRABANDO
Carro abarrotado de cigarros é apreendido escondido em canavial
BRICS
Brasil e China firmam acordos em áreas como política, comércio e saúde
INFORME PUBLICITÁRIO
Saad Lorensini lança paraíso para chamar de lar em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
Polícia prende cadeirante que comandava quadrilha formada por menores
DOURADOS
Morto em acidente prestava serviços a indústria e teria invadido pista contrária
DOURADOS
Homem sofre acidente de trabalho e morre após ter 80% do corpo queimado
DOURADOS
Ex-secretário de Saúde e empresário são levados à PED e defesas tentam liberdade