Menu
Busca segunda, 14 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
SAÚDE

Pés Idosos: problemas mais comuns que acompanham a terceira idade

18 julho 2019 - 09h41Por Podóloga Neide/Dourados News
Ao envelhecermos é comum que ocorra diversas mudanças no nosso organismo, são processos naturais que fazem parte da vida. Ter problemas decorrentes a idade é comum, porém muitos deles podem ser evitados se adotarmos hábitos saudáveis e procurarmos ajuda profissional correta. 
 
Neste caso, o podólogo atua com o objetivo de tratar patologias resultantes ou agravadas pelo envelhecimento além de instruir o paciente e seus familiares com as melhores formas de lidar com essas mudanças de maneira que ela não prejudique a saúde dos pés. 
 
Entre as mudanças que ocorrem no nosso organismo quando atingimos a terceira idade estão o enfraquecimento de funções como imunidade, regeneração celular e circulação sanguínea, além da diminuição na produção de colágeno e alteração na taxa hormonal. 
 
 
 
Como essas mudanças atingem os pés
 
Uma das consequências é o enfraquecimento dos tecidos da pele, que se tornam menos elásticas e mais finas, facilitando o surgimento de feridas e patologias como calos e feridas. 
 
Outro problema comum é a onicogrifose, conhecida popularmente por "unhas de chifres de carneiro" ou "unhas em garra". Que é uma patologia caracterizada pelo espessamento e crescimento acelerado das unhas dos pés. 
 
As causas da onicogrifose podem ser inúmeras: Diabetes, má circulação, deficiência na ingestão de nutrientes entre outros, por isso é recomendado a consulta à um podólogo para que o profissional possa identificar a causa e indicar a melhor forma de previver
que ela retorne além remover as deformidades das unhas atingidas pelo problema de forma segura e eficaz. 
 
 
 
 
Cuidados gerais
 
Esses cuidados são atemporais, porém, por consequência da idade, não se atentar a eles pode gerar um problema ainda maior. Por isso é importante sempre se lembrar de:
 
Atentar-se a qualquer alteração nas unhas: cor, forma, espessura. 
 
Higienizar bem os pés e secá-los de forma correta evitando deixá-los úmidos.
 
Hidratar os pés periodicamente para evitar ressecamento da pele e possíveis rachaduras.
 
Usar meias de algodão, e sempre trocar por meias limpas;
 
Usar o sapato adequado, no caso dos idosos é recomendado o uso de calçados com pouca ou nenhuma costura interna.
 
 
 
 
Sobre a profissional 
 
 Pioneira na área em Dourados, Roneide de Souza Santos - Neide Santos – se formou em Podologia em São Paulo e logo depois em Estética e Cosmética.  Apesar de atender todas as áreas que a podologia abrange, é especializada em micologia e pés diabéticos. Atualmente leciona no curso técnico de podologia do SENAC, além de atender ao público de todas as faixas etárias, inclusive bebês, em seu endereço na rua Dr. Camilo Hermelindo da Silva ,1046. O telefone para agendamento é o (67) 3427-6662.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CULTURA
Com orquestra de harpas, muita música e dança, 3º Festival Cultural do Chamamé foi destaque em público e negócios
SAÚDE
Dourados cede prédio no 4° Plano para implantação do Hospital do Amor
BALANÇO
PM apreende cerca de sete milhões de maços de cigarros e 150 toneladas de drogas em 2019
ROCHEDO
Estudante é multado por pesca ilegal em rio e tem petrecho apreendido
ELEIÇÕES 2018
Botafogo apresenta Valentim oficialmente como treinador
PEDRO JUAN
Motorista de aplicativo é morto com 15 tiros na fronteira
MÚSICA
Com músicas disponíveis em plataformas, compositora de MS lança disco na próxima semana
CORUMBÁ
Corpos de trabalhadores mortos em fazenda são levados para Guia Lopes
BRASIL
Bolsonaro discute pedido de prestação de contas ao PSL
FUTEBOL
Três jogos abrem a 29ª rodada da Série B do Brasileirão

Mais Lidas

CLIMA
Previsão aponta dias chuvosos e queda de temperatura em Dourados
DOURADOS
Acionados para atender queda de moto, Bombeiros só encontram vítima no local
DOURADOS
Clima fica tenso com índios presos em confrontos às margens da Perimetral Norte
MS
Idosa é atingida por jaca durante procissão e precisa ser socorrida