Menu
Busca quarta, 14 de novembro de 2018
(67) 9860-3221
SAÚDE

Especialistas indicam os cremes anti-idade certos para cada faixa etária

01 julho 2015 - 13h28

Marie Claire

Os sinais do tempo são, sem dúvida, um dos maiores inimigos das mulheres quando o assunto é beleza. Uma pesquisa recente feita pela Imedeen, com 500 mulheres, de 30 a 60 anos, apontou que 94% das entrevistadas têm algum sinal na pele do rosto que as incomoda e mais da metade apontou as linhas de expressão como maior inimigo, seguidas de manchas, flacidez e rugas.

“Acredito que essa situação ocorre porque muitas delas não têm a preocupação de cuidar da pele de forma preventiva e, quando se deparam com algumas mudanças, começam a ficar preocupadas”, avalia a dermatologista Eloisa Ayres.

Segundo a especialista, os cuidados devem começar bem antes dos 30 anos, ainda na adolescência, com o uso frequente de protetor solar e higienização diária, de acordo com o tipo de pele. A partir dos 20 anos, é a hora de acrescentar nessa rotina de beleza alguns ativos de tratamento, que vão mudando em cada fase da vida.

Até os 30 anos...

O primeiro passo se dá com a vitamina C. “Ela é muito indicada nessa idade por ser preventiva”, explica Dra. Eloisa. Além de ter agentes clareadores e iluminadores, ela tem potente ação antioxidante, que previne o envelhecimento precoce, e ainda estimula a síntese de colágeno.

A dermatologista Cristiane Braga, sócia da SOBRAE (Sociedade Brasileira para Estudos do Envelhecimento), reforça ainda que um dos principais objetivos nesta fase é controlar a tendência ao aparecimento de manchas. Por isso, indica os clareadores Heliocare Max Defense, da Melora, e o Eucerin Fluido Clareador.

A partir dos 30 anos...

Nesta fase entram em cena os fatores de tratamento. “É um período em que o corpo começa a apresentar sinais físicos das lesões celulares”, conta Dra. Eloisa. Os ativos mais indicados são os derivados da vitamina A, como retinol, retinoaldeido e ácido retinoico, que estimulam a renovação das células e produção de colágeno. Paralelamente, a especialista também indica o uso de clareadores mais potentes, como a hidroquinona.

Os produtos indicados pela Dra. Cristiane são o Retin-A Micro Gel, da Valeant, e Melora C.

Depois dos 40 anos...

A partir desta idade, as alterações hormonais provocam perda significativa de firmeza e densidade da pele. “Apesar de os tratamentos com derivados de vitamina A serem responsáveis por estimular a produção de colágeno, é preciso ainda associar peptídeos e outros derivados de sódio que ajudam a manter a estrutura da cútis”, aconselha Eloisa. É importante procurar também por cosméticos que carreguem componentes hormonais e alfa-hidroxiácidos na fórmula. Assim, o controle da renovação celular ficará garantido.

Segundo Dra. Cristina, o Derm AHA, da La Roche-Posay, o Soya Unify, da ROC, e o Prevage, da Elizabeth Arden, são ótimas opções.

Depois dos 50 anos...

Neste momento é quando a flacidez realmente dá as caras. Para minimizá-la é preciso, então, lançar mão de cremes tensores mais potentes. De acordo com Cristina, o Endocare Tensage, da Melora, e o Abeille Royale, da Guerlain, exercem bem esta função reparadora.

ALERTA DE EXPERT!

Para facilitar a escolha, muitas marcas já especificam na embalagem a indicação de faixa etária, que deve sim ser considerada. “Um produto indicado para a pele mais madura não vai funcionar na mais jovem, que tem ação de hormônios regulados”, garante a Dra. Eloisa. “É preciso respeitar os mecanismos de envelhecimento que a pele sofre.”

Além disso, é necessário ter paciência. Isso porque um creme anti-idade começa a mostrar um resultado efetivo após oito semanas de uso. E para não errar na aplicação, a especialista aconselha usar uma quantidade semelhante ao grão de ervilha e aplicar sempre contra a gravidade – de dentro para fora e de baixo para cima.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIMINALIZADA
Motorista que foge do local do acidente comete crime, decide STF
FUTEBOL
Funed inicia preparativos para grande final do 16º Interdistrital
DEVOLUÇÃO
Receita paga sexta-feira restituições do sexto lote do IRPF de 2018
CASA NOVA
Reforma e ampliação do Fórum de Nova Andradina será entregue dia 20
NOVOS CANAIS
Disque Lâmpada da Semsur agora terá número de WhatsApp e e-mail
PEDRO JUAN
“Arquivo vivo”, advogada executada na fronteira ameaçava autoridades
LAVA JATO
Após 3 horas, termina depoimento de Lula no caso do sítio de Atibaia
ELDORADO
Vereador morre em acidente na rodovia BR-163 próximo a Itaquiraí
UFGD
Projeto para construção de aeromodelos está com inscrições abertas
CAMPO GRANDE
Pedestre que teve perna esmagada em acidente morre em hospital

Mais Lidas

PEDRO JUAN
Advogada de narcotraficantes brasileiros morre após atentado na fronteira
PARAGUAI
Polícia paraguaia acredita que pistoleiros brasileiros mataram advogada
FRONTEIRA
Mulher é assassinada a tiros, quase um ano após execução do marido
PEDRO JUAN CABALLERO
Vídeo mostra momento em que advogada é atingida por pistoleiros