Menu
Busca segunda, 20 de agosto de 2018
(67) 9860-3221
ROTEIRO&VIAGENS

Vaticano reúne história e religião num belo passeio pela ‘Cidade Eterna’

14 setembro 2017 - 09h12

Localizado na chamada ‘Cidade Eterna’, o Vaticano reúne diariamente milhares de turistas do mundo todo, em torno da Praça São Pedro e pelos museus que são verdadeiros aulas de história e religião. Todos desejam conhecer o local, independente da crença, por isso, o Vaticano está sempre aberto para acolher a todos. Separamos um pequeno roteirinho que você pode fazer, caso seu destino da próxima viagem seja lá.

Quando ir

O Vaticano está lotado sempre, mas no verão (junho, julho e agosto), as filas podem ser maiores. O ideal é ir de segunda a sábado, para poder visitar todas as atrações, algumas coisas têm entrada restrita no domingo, melhor evitar.

Como ir

O Vaticano é um país independente, mas está localizado dentro do território da cidade de Roma, então de Roma é muito fácil chegar lá a pé, de ônibus, se for de metrô, vá pela estação Ottaviano/San Petro da linha A-vermelha, ou ainda, de taxi.

O que vestir

As regras de vestimenta proíbem a entrada ao Museu do Vaticano e dependências da Basílica trajando regatas, blusas decotadas, shots, bermuda, saia curta e chapéu. Não precisa se cobrir inteiro (especialmente se for no verão), mas tome cuidado com esses detalhes, e se estiver com uma blusa que mostre os ombros, leve um xale. Se for subir na cúpula, lembre-se de ir com um sapato confortável pois são mais de 300 degraus, e se não comprar o elevador, são mais de 500.

Ingressos e horários

Cada atração tem um ingresso próprio e o recomendado é comprar tudo antes para evitar filas e conseguir fazer tudo em um dia só. Comece reservando a visita pela Necrópole do Vaticano, é a única forma de ver de verdade, onde estão os restos de São Pedro, que foi a base da fundação da Basílica.

O ideal é reservar a visita da necrópole no período da tarde, de lá você já passa pelas catacumbas, e termina o passeio na Basílica (tudo com o mesmo ingresso). Saindo da Basílica, já pegue a fila para subir na cúpula e ter a vista panorâmica lá de cima. Esta fila para a cúpula não costuma ser muito cheia.

O período da manhã fica reservado para o Museu do Vaticano e a Capela Sistina. O museu abre às 9h e fica aberto até às 16h, por isso, é bom se programar para ir de manhã, pois você tem tempo para ver tudo até a hora do almoço, e depois passar a tarde na Basílica .

Compra do ingresso

Caso você não compre seu ingresso para o Museu do Vaticano antecipado, existe também a opção de se unir a alguma visita guiada. Para isso, há vendedores anunciando pelas ruas e você negocia diretamente com eles, já escolhendo a língua que quer seu tour. Outra opção é ir até a loja de souvenirs do Vaticano. Você paga mais do que o ingresso normal, pois eles ganham uma pequena comissão, mas também não pega fila.


Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUUUU!!
De lingerie, Ana Hickmann faz a temperatura subir com ensaio picante
LEGISLATIVO
Audiências públicas sobre esporte e educação são destaques da semana
BRASIL
OEA enviará observadores que devem acompanhar eleições de outubro
IVINHEMA
Polícia prende bêbado dirigindo em alta velocidade e flagra menor empinando moto
SELVÍRIA
Mulher é baleada no rosto após briga com o marido
CAMPO GRANDE
Denúncia leva polícia a prender comerciante armado
TV
Faustão relembra sua história no 'Linha do Tempo' e revela: 'Sou tímido, ou era'
PREOCUPAÇÃO
Venezuela pede que Brasil proteja os seus cidadãos
DOURADOS
Caminhonete é furtada durante a madrugada no Residencial Pelicano
DOURADOS
Ladrão é preso ao furtar capacete para trocar por droga

Mais Lidas

BR-463
Acidente mata motociclista que tentava atravessar rodovia em Dourados
FRONTEIRA
Dois são executados a tiros de pistola e fuzil
FRONTEIRA
Trio suspeito de matar policial paraguaio é preso
CAMPO GRANDE
Homem morre em acidente na BR-163