Menu
Busca segunda, 24 de setembro de 2018
(67) 9860-3221
VIAGEM

Turista pode economizar até 30% com baixa temporada em Bonito

01 julho 2015 - 18h30

Em determinados períodos do ano, como de março a junho e de agosto a setembro, o turista consegue conciliar sossego e economia ao visitar a cidade de Bonito, um dos principais destinos de ecoturismo do Brasil. As informações são baseadas nos resultados divulgados pelo Observatório de Bonito, desenvolvido pelo Bonito Convention & Visitors Bureau (Bonito CVB) e Prefeitura Municipal de Bonito. Além da disponibilidade nos passeios, as empresas oferecem preços mais acessíveis e, com isso, o visitante consegue economizar cerca de 30% no valor total do pacote.

A cidade, que fica localizada a 290 km de Campo Grande, conta pelo menos 30 opções de passeios, 5.200 leitos em hotéis e pousadas. “Desta forma, o turista pode aproveitar ao máximo a viagem”, lembra a secretária de turismo de Bonito, Juliane Salvadori, que ressalta, ainda, os mais de 95 empreendimentos hoteleiros, 46 agências de viagens, guias de turismo e aeroporto com capacidade para atender bem os visitantes.

Conforme o presidente do Bonito CVB, Rodrigo Coinete, os dados apresentados no Observatório de Bonito confirmam que períodos de baixas temporadas também são os melhores para a realização de eventos. “É uma época em que a cidade recebe menos turistas que o de costume, logo, as opções de acomodação, bem como de lazer, são maiores. E também é uma das formas de manter sempre vivo o nosso turismo e aquecer a economia local”, destaca.

Dados

Se comparada aos meses anteriores, a taxa de ocupação nos hotéis de Bonito teve queda acentuada no mês de maio, e praticamente não houve variação nos valores das diárias médias dos hotéis, comparando com os meses de março e abril.

Em contrapartida, de acordo com o levantamento do Observatório, no mesmo mês, a Gruta do Lago Azul obteve taxa de ocupação de 49% e estima-se que a cidade recebeu cerca de 11.000 visitantes. Destes, a origem dos visitantes ao ponto turístico destacado, são de São Paulo, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul, Paraná e Rio Grande do Sul e, no âmbito internacional, EUA, Paraguai, Bolívia, Holanda e Austrália.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSOS
Luisa Sonza relata críticas após procedimento: 'Acharam feio'
MEDIDA
ANP vai fazer consulta para substituir GNL importado por gás doméstico
LADÁRIO
Três pessoas ficam feridas em capotagem de carro
INVESTIGAÇÃO
Polícia Federal reforça versão de que agressor de Bolsonaro atuou sozinho
CAPITAL
Carreta tomba com 27 toneladas de agrotóxico
POLÍTICA
Temer viaja a Nova York para participar da Assembleia Geral da ONU; Toffoli assume Presidência
PONTA PORÃ
PM recebe solicitação por desentendimento familiar e captura foragido
CAPITAL
Homem é encontrado morto com tiro na cabeça
TRÁFICO DE DROGAS
PRF apreende 42kg de maconha e skank após fuga de condutor
BRASIL
Multas por uso de celular ao volante crescem 33% em 2018

Mais Lidas

DOURADOS
Amiga de jovem encontrada morta é presa acusada por tráfico e por alterar a cena do crime
TEMPORAL
Chuva e ventos fortes derrubam árvores em Dourados
POLÍCIA
Presos em Dourados são transferidos para capital
POLÍCIA
Homem sofre tentativa de homicídio em Dourados