Menu
Busca quinta, 19 de setembro de 2019
(67) 9860-3221
VIAGEM

8 dicas para escolher as melhores malas de viagem

11 julho 2019 - 16h21Por Por Passagens Imperdíveis

Ao viajar, levamos conosco pelo menos duas coisas: nossas expectativas e nossas bagagens. E, sobre isso, há muito o que dizer sobre ambas. Mas, neste post, focaremos na segunda opção, já que separamos dicas imperdíveis para encontrar as malas de viagem ideais para você!

Dicas para escolher malas de viagem

Existem diversos critérios a se levar em conta, ainda mais se forem malas de viagem para avião. Isso porque as regras de bagagem das companhias aéreas são mais restritas que as das viações de ônibus. Sendo assim, atente-se aos pontos listados abaixo e boas compras!

Escolha cores diferentes do usual

Por mais que você seja discreto, esse perfil não é indicado para a compra, sobretudo de malas de viagem para avião. Dê preferência àquelas de cores fortes, coloridas ou decoradas. Isso porque, na hora de retirar a bagagem na esteira, fica bem mais fácil identificar a sua. Assim, diminuem-se os riscos de confusão e troca acidental com outro passageiro.

#DicaPI: há casos de bagagem extraviada em que o motivo foi alguém pegando a mala de outro por engano na esteira.

Agora, se você não quer comprar malas de viagem chamativas, sem problemas, porque há alternativas para diferenciá-la na multidão. Uma delas é personalizá-las amarrando lenços coloridos, fitas, adesivos, etc. A ideia é colocar algo que torne a mala diferente e facilite a identificação.

Tenha de todos os tamanhos

As malas de viagem não podem ser nem grandes demais, nem pequenas demais. O ideal é chegar a um meio termo, de modo que consiga carregar tudo o que precisa, porém com máxima praticidade. Nesse sentido, a dica é optar por kit com uma grande, uma média e uma pequena. Assim, terá opções para cada tipo de viagem, das curtinhas às mais longas.

Por exemplo, quando for uma viagem curta, poderá levar somente bagagem de mão, já que terá uma mala pequena. Quando a permanência for maior, terá a mala grande à disposição. Em ambos os casos, a média sempre será uma boa alternativa, se conseguir acomodar tudo nela.

#DicaPI: para tirar máximo proveito nas cias. aéreas low cost (baixo custo), suas malas devem ser pequenas.

Agora, caso não queira investir em um kit completo, vá pelo caminho do meio: compre uma mala de tamanho médio. Além de ser mais fácil conduzi-la do que a grande, cabe em qualquer porta-malas de carro, por exemplo.

Normalmente, as malas são produzidas nos padrões aceitados para embarque. Mas é importante avaliar as exigências específicas das companhias aéreas quanto a peso e dimensões. Por exemplo, as regras de bagagem de mão definidas pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) preveem limite de 10 kg em qualquer voo, enquanto as dimensões variam conforme a cia. aérea.

Tão importante quanto escolher as malas de viagem para avião, é planejar adequadamente a bagagem. Desse modo, evita dimensões ou peso excedentes, o que pode levar ao pagamento de taxas extras com despacho.

Escolha o material de acordo com seu perfil

As malas rígidas, geralmente produzidas em policarbonato, propileno ou ABS, duram por anos e são impermeáveis, portanto podem pegar chuva. Contudo, são pouco maleáveis, o que dificulta colocar peças extras (caso tenha feito compras demais). Além disso, pesam mais que as de tecido, por isso exigem maior atenção quanto à franquia de peso das cias. aéreas. Por fim, estão propensas a quebrar se receberem pancadas fortes.

Já as de tecido, normalmente feitas em poliéster e nylon, resistem mais a impactos. Também se adaptam melhor a volumes extras (mas cuidado com o peso!) e aos bagageiros. Em relação às rígidas, costumam custar menos. Por outro lado, tendem a se desgastar mais rapidamente, ou seja, têm a vida útil menor. Outro ponto é que não são impermeáveis, logo, se pegar chuva, corre o risco de molhar os itens lá dentro.

Note que todos materiais têm vantagens e desvantagens. Sendo assim, resta colocar na balança e avaliar o que é prioridade para você. Por exemplo, se gosta de flexibilidade para imprevistos, melhor uma mala de tecido. No entanto, se prefere maior segurança para sua bagagem, as rígidas atendem.

#DicaPI: você sabe o que fazer caso a cia. aérea danifique sua mala durante a viagem? No review do voo da Delta para Orlando, passamos por isso e mostramos como proceder!

Busque rodinhas convenientes

É possível encontrar malas de viagem com quatro rodas que giram em 360º. Assim, se reduz o esforço de carregar a bagagem e “manobrá-la” para mudar de direção. Você sequer terá de inclinar a mala!

O material das rodinhas também faz a diferença, porque alguns são mais resistentes que outros. É o caso do poliuretano, mais difícil de quebrar que o plástico e a borracha.

Atente-se às divisões e compartimentos internos

As malas de viagem normalmente têm os seguintes compartimentos: bolso com zíper na tampa; telas ou tecidos com elástico nas laterais, para comportar sapatos ou cosméticos; e cintos, para conter e organizar as peças.

Algumas mais sofisticadas contam com zíperes ou velcros no meio, podendo dividir as peças igualmente. São bons recursos para quem vai dividir a mala com outra pessoa ou para os que gostam de muita organização.

Com relação à parte interna da mala, não há tanta variedade assim. Mas vale observar se algum detalhe te chama a atenção, já pensando nos itens que vai levar para sua viagem.

Pense na segurança nas malas de viagem para avião

Quando se trata de bagagem, segurança nunca é demais. Por isso, vale a pena conferir se a mala já vem com cadeados embutidos. Na falta deles, é interessante colocar o acessório à parte e aumentar a proteção dos seus pertences.

Uma dica é procurar modelos de mala de viagem para avião com cadeado TSA embutido. Estes podem ser abertos com uma chave-mestra pela alfândega dos Estados Unidos, por exemplo. Assim, caso seja necessário averiguar a bagagem, os agentes não precisarão danificá-la.

Considere uma mala de viagem própria para vinhos

Trazer alimentos e bebidas do exterior para o Brasil é prática comum. Nesse contexto, por que não considerar uma mala de viagem própria para vinhos?

São malas projetadas especialmente para transportar as garrafas em viagens curtas e longas. As principais vantagens são a facilidade de acomodá-las e a proteção contra impactos, de modo que chegam intactas ao destino.

Opte por mochilas, conforme seu estilo

Seu estilo de viagem é menos tradicional e sua ideia é rodar o mundo como mochileiro? Invista em uma… mochila!

Para escolher a mochila de viagem ideal, primeiro considere o tamanho. Se o plano é acampar ou viajar no inverno, escolha uma maior, visto que levará barraca, sacos de dormir e roupas e acessórios de frio.

Em destinos que pedem roupas mais leves e nos quais se hospedará em albergues ou hostels, prefira mochilas não tão grandes. Afinal, sua demanda por bagagem será bem menor.

De modo geral, busque por mochilas com aberturas laterais ou inferiores, além da tradicional superior. Isso porque facilitam o acesso às peças guardadas no fundo. Pesquise, também, opções com zíperes à prova d’água, que te darão tranquilidade em caso de chuvas, por exemplo.

No que diz respeito ao conforto, mochilas com cintos que travam na cintura são mais fáceis de carregar. Mas não olhe só isso. Tente experimentar a mochila antes de comprá-la. Desse modo, terá suas impressões pessoais sobre o encaixe dela ao seu corpo.

A dica de ouro para qualquer mochileiro é: só leve aquilo que você é capaz de carregar sem ajuda. Por isso, nada de vaidade nem de excessos. Coloque somente as peças que atendem às suas reais necessidades.

Dica extra: preço das malas de viagem

Você encontrará tanto malas de viagem que ultrapassam R$ 1.000 quanto que não chegam a R$ 200. Tamanha variedade de preços pode causar confusão, pois os critérios vão desde a qualidade do material até a simples marca. Nesse caso, temos duas dicas preciosas.

A primeira orientação é desconfiar quando a oferta for muito grande. Sim, existem promoções imperdíveis (e disso entendemos bastante!). No entanto, uma coisa é promoção, outra, é preço baixo às custas da qualidade. Para evitar a armadilha do “barato que sai caro”, primeiro escolha as malas de viagem que deseja comprar seguindo nossas dicas. Então monitore o preço delas. Assim, terá noção do preço-base e conseguirá pagar menos por um produto que valha a pena.

Outra dica fundamental é não seguir a lógica de “se é caro, é bom”, porque nem sempre é a qualidade que definirá o preço. Talvez o simples fato de ter uma marca estampada joga nas alturas o valor das malas de viagem. É verdade que produtos mais caros tendem a ser superiores, contudo, vale analisar antes os materiais, comentários de quem já comprou, entre outros critérios.

Tendo explicado essas duas questões (preços baixos e altos), a conclusão é simples: avalie não só o preço, mas também a qualidade, para evitar armadilhas. Desse modo, encontrará as malas de viagem com a melhor relação entre custo e benefício dentro do seu orçamento!

Compra no exterior

Também faz parte comparar os valores e produtos disponíveis no Brasil com aqueles do exterior. Não raro, a compra em outro território se mostra vantajosa em relação ao nosso país, seja pelo preço menor, seja pelo modelo exclusivo. Portanto, pesquise lá fora, sobretudo na Europa e Estados Unidos. Só atenção à taxa de câmbio, para ter certeza de que vale a pena.

Vamos estrear suas malas de viagem para avião?

O Passagens Imperdíveis compartilha promoções de passagens aéreas para destinos nacionais e internacionais. Dessa forma, você consegue viajar barato, pois pagará menos do que a média pelos bilhetes.

Para ficar sabendo das passagens aéreas baratas e aproveitá-las antes que acabem, é fácil. Siga as gente nas redes sociais (Instagram, Facebook e Twitter) e baixe o aplicativo gratuito. Assim, receberá notificações em tempo real na palma da mão.

Quem sabe você usa o dinheiro do desconto na passagem aérea para comprar as melhores malas de viagem? É possível, acredite!

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Aluno de 14 anos esfaqueia professor em escola na zona leste de SP
SELEÇÃO BRASILEIRA
Tite chama amanhã jogadores para amistosos de outubro
DOURADOS
Uno é consumido pelo fogo e Guarda descobre que carro era furtado
HOMICÍDIO
Homem é preso suspeito de matar colega de quarto a facadas
PESQUISA CNT
Duas rodovias são responsáveis por 1/4 dos acidentes no país
DOURADOS
Délia publica novo decreto para conceder recesso de fim de ano
ARTIGO
O poder do arrependimento!
CAMPO GRANDE
Hospital Cassems realiza semana de ações em prol da Segurança do Paciente
MATO GROSSO DO SUL
Seminário discute políticas públicas para pessoas com deficiência
CNT
Em 2018, houve 69 mil acidentes em rodovias federais, diz pesquisa

Mais Lidas

DOURADOS
De assaltante frustrado a autor de furto, jovem agora é apontado como assassino frio e cruel
DOURADOS
“Terror”: Empresário foi agredido e ameaçado de morte durante roubo de joias
CRIME BRUTAL
Após matar pai e filho, assassino arrancou cérebro de menor e manteve fogo aceso para queimar corpos
DOURADOS
Interno foge da PED durante trabalho de manutenção