Menu
Busca segunda, 14 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
AVANÇO

Pesquisa aponta que ferimentos diurnos cicatrizam mais rápido que os noturnos

09 novembro 2017 - 10h50Por Da redação

Um estudo que observou pacientes com queimaduras, em média, as ocorridas à noite, constatou que o período para a cicatrização levou 28 dias, 11 a mais do que as sofridas de dia. A descoberta poderá ajudar na hora de marcar cirurgias

Os pesquisadores se disseram espantados com a diferença, observada em 118 pacientes avaliados em unidades de queimaduras do sistema público de saúde britânico, o NHS. Esse resultado é explicado pela influência do relógio biológico sobre as células humanas em um ciclo de 24 horas.

De acordo com o estudo, publicado na revista Science Translational Medicine, os fibroblastos, células do tecido conjuntivo acionadas para a cicatrização, mudavam sua capacidade de atuação durante períodos de 24 horas - à noite, perdiam em capacidade de reação. John O'Neill, um dos pesquisadores, disse à BBC.

"É como em uma corrida de 100 m. O atleta que parte dos blocos de largada, em posição e pronto para sair correndo, sempre vai bater o corredor que parte parado em pé".

Ajuda em cirurgias

Os pesquisadores acreditam que essa descoberta poderá ser aproveitada para melhorar cirurgias. Algumas drogas como o hormônio cortisol, podem reajustar o relógio biológico das células e ser úteis em procedimentos noturnos.

E o relógio biológico de todo mundo funciona de uma maneira ligeiramente diferente, cada um tem um cronotipo. Então, pode fazer sentido agendar uma operação que esteja em sintonia com o ciclo circadiano do paciente. Mas tudo isso ainda não foi testado.

Segundo John Blaikley, médico cientista da Universidade de Manchester, há uma carência, nos sistemas de saúde, de terapias eficazes para cicatrização.

"Levando em conta esses fatores do ciclo circadiano, não apenas novas drogas podem ser identificadas, como poderá ser aumentada a eficácia de terapias existentes mudando a hora do dia em que elas são aplicadas", diz ele.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Bebê é sexta vítima de acidente na Via Dutra, sentido Rio de Janeiro
Unicef
26% das adolescentes brasileiras casam-se antes dos 18 anos
MS 42 ANOS
Identidade do Estado revela “Brasil profundo” nas artes plásticas
TUFÃO
Passagem do Hagibis no Japão provoca pelo menos 24 mortes
DOURADOS
Programação do “Outubro Rosa” tem evento no dia 16
FAMOSOS
Em meio aos rumos sobre affair, Grazi faz trilha com Caio Castro
DOURADOS
Universidade levará serviços à Praça Antônio João dia 23
ESTADO
Judiciário fará Semana da Conciliação no início de novembro
CRIME
Caçador foge da PMA, mas abandona moto, rifle e munições e acaba identificado
BRASIL
Após dez dias internado, general Villas Bôas recebe alta hospitalar

Mais Lidas

CLIMA
Previsão aponta dias chuvosos e queda de temperatura em Dourados
DOURADOS
Acionados para atender queda de moto, Bombeiros só encontram vítima no local
DOURADOS
Clima fica tenso com índios presos em confrontos às margens da Perimetral Norte
MS
Idosa é atingida por jaca durante procissão e precisa ser socorrida