Menu
Busca quinta, 05 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
DESTINO INTERNACIONAL

Edifícios históricos, museus e parques: isso e muito mais em Santiago, no Chile

07 novembro 2017 - 07h30Por Da redação
Com uma arquitetura moderna e charmosa, Santiago impressiona seus visitantes antes mesmo da aeronave pousar em terra firme. Da janelinha do avião, o espetáculo da Cordilheira dos Andes e sua imensidão de picos desperta olhares atentos e suspiros, dando assim uma pista do visual que cerca a cidade, localizada em um vale. 
 
Sendo uma das capitais da América do Sul mais desenvolvidas, a capital chilena é tema de um dos guias de destino, que aborda assuntos como a melhor época para viajar e os principais pontos turísticos de Santiago. Nesse post você poderá conferir diversas dicas e sugestões de locais para conhecer em uma visita à cidade.
 
Santiago, ou Santiago de Chile, tem mais de 6,5 milhões de habitantes em sua região metropolitana. A cidade é grande, limpa, arborizada, tem um sistema de metrô eficiente e pontos turísticos variados, que cada vez atraem mais brasileiros. Apesar de ser de grande porte e cheia de movimento em algumas áreas, Santiago ainda reserva em alguns de seus bairros, a boemia e tranquilidade de outros tempos. É interessante conhecer edifícios históricos, museus e parques com uma bela visão panorâmica, passear por vinícolas, desfrutar de boas refeições e esquiar. 
 
Pontos Turísticos
 
Para começar um circuito histórico pela capital chilena, vá primeiro ao Plaza de Armas, o coração da cidade. Ao redor da praça ficam alguns dos principais edifícios históricos da cidade, como o edifício dos Correios e a belíssima Catedral Metropolitana. Também vale a pena conhecer as ruas da região, caminhar pelo Paseo Ahumada e observar os “cafés com pernas”, cafeterias com atendentes de saias incrivelmente curtas.
 
Outro ponto é o Palácio de La Moneda, sede da presidência chilena. Inclua no roteiro uma parada no edifício, com direito a registro fotográfico da fachada do palácio, marco do golpe de Estado de 1973 que deixou Pinochet à frente do governo do país. Ainda é possível presenciar a cerimônia da troca de guarda, que ocorre em dias alternados, sempre às 10 horas.
 
Peixes, frutos do mar, legumes, frutas, verduras, artesanato e restaurantes, o Mercado Central de Santiago tem tudo isso! O local é muito visitado pelos turistas, principalmente porque comer a centolla, o famoso caranguejo gigante, é um programa tradicional nesse lugar. 
 
O preço nos restaurantes não é dos melhores e o ambiente não agrada a todos, mas é um ponto turístico clássico de Santiago, principalmente se a ideia é comer peixes e frutos do mar.
 
Para os amantes das artes, conhecer o Museu Nacional de Belas Artes, é uma excelente opção. Ele tem mais de 5 mil peças em sua exposição permanente, que contam a história da arte chilena e estrangeira em períodos diferentes. 
 
O museu fica no centro do Parque Florestal, ótimo para caminhadas. 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ACIDENTES
Dez pessoas morrem por mês nas rodovias federais de MS
PUNIDO
Eduardo Bolsonaro é destituído da presidência do PSL em São Paulo
FRONTEIRA
Corpo encontrado carbonizado é de adolescente desaparecido
EDUCAÇÃO
MEC lança material para incentivar pais a lerem para os filhos
JUSTIÇA
Vício na construção do imóvel configura responsabilidade da construtora
BENEFÍCIO
Diretoria de Educação a Distância da UEMS seleciona bolsistas
BRASIL
Clientes do BB podem pagar contas por assistente de voz do Google
TRÊS LAGOAS
Secretaria de Saúde investiga morte de professora por suspeita de dengue
CAMPO GRANDE
Trio faz limpa em residência após renderem idoso que guardava veículo
NINHO DO URUBU
Juiz manda Flamengo pagar pensão às famílias de mortos em incêndio

Mais Lidas

POLÍCIA
Morto em ação policial no MS era afamado como líder do novo cangaço
FRONTEIRA
Quatro assaltantes de carro-forte são mortos em confronto com a polícia
DOURADOS
Júri condena a 64 anos de prisão cinco réus por atentado contra empresário
DOURADOS
Homem é preso ‘arrastando’ moto na região central