Menu
Busca quarta, 26 de setembro de 2018
(67) 9860-3221

Delcídio trabalha para ampliar piscicultura no estado de MS

23 maio 2011 - 13h52

O senador Delcídio do Amaral(PT/MS) vai fazer gestões junto ao governo federal para liberar R$ 10 milhões já previstos no Orçamento da União de 2010 e apresentar uma nova emenda, de valor ainda maior, para investimentos na cadeia produtiva da pesca em Mato Grosso do Sul, especialmente em pesquisa e assistência técnica, além da instalação de câmaras frias em diferentes regiões do estado, o que dará aos piscicultores a oportunidade de ampliar a produção de pescado e atrairá novas empresas para expandir o setor.

“Mato Grosso do Sul tem um potencial enorme para o crescimento da piscicultura. Eu não tenho dúvida que, com mais investimentos e muito trabalho, nós podemos nos igualar ou quem sabe até suplantar Santa Catarina, maior produtor nacional de pescado. E esse é um esforço que vai beneficiar o pais como um todo porque é inadmissível que o Brasil, que tem 13% da água doce do planeta, não seja o maior produtor de pescado do mundo. Hoje, ainda perdemos para o Peru e para o Chile que não possuem os rios nem o litoral que o Brasil tem”, ponderou o senador, ao participar nesta segunda-feira, 23, da assinatura de convênios e entrega de equipamentos promovida pelo Ministério da Aqüicultura e Pesca na sede do SEBRAE, em Campo Grande. A solenidade contou com a presença da ministra Ideli Salvatti, que foi colega de Delcídio no Senado como senadora do PT por Santa Catarina.

A ministra liberou recursos para a Associação dos Produtores Orgânicos do Estado do Mato Grosso do Sul e a Consultoria e Assessoria para a Agricultura Familiar (SECAF), decorrentes do edital de Assistência Técnica para os Aquicultores do Território da Grande Dourados, cuja primeira parcela é de R$ 228 mil. Ideli também assinou termo de permissão de uso para a implantação de um telecentro na Colônia de Pesca Z-07, em Aquidauana, que passará a contar com recursos de informática e acesso à Internet.

A ministra entregou ainda seis kits Feira do Peixe, que são módulos para facilitar a comercialização de pescado. Estes módulos são equipados com tenda metálica desmontável, balcão, caixas térmicas, balança e outros dispositivos. Os kits irão beneficiar a Cooperativa MS Peixe, do município de Dourados, a Colônia de Pescadores Z-03, de Três Lagoas e a Associação dos Pescadores da Vila Nova Porto XV de Novembro, em Bataguassu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRAGÉDIA
Peão de MS morre ao receber chifrada de touro durante rodeio em SP
ELEIÇÕES 2018
Presidenciáveis gastam R$ 130,4 milhões na campanha eleitoral
ORDEM DO DIA
Parlamentares da ALMS analisam três projetos nesta quarta-feira
DOURADOS
Populares flagram ladrão levando fios de cobre em casa para alugar
CAMPO GRANDE
IEL altera data de realização do curso sobre principais aspectos da gestão financeira
DOURADOS
Homem é preso após furtar mercado para comprar bebida alcoólica
POLÍCIA
Ladrões voltam a atacar e levam motos em Dourados
ODEBRECHT
Raquel Dodge pede ao Supremo para suspender inquérito contra Temer
TELEVISÃO
Paulo escorrega no prato surf'n'turf e é eliminado do Masterchef
ESPORTE
1ª Rodada do Estadual Feminino de Futebol será encerrada hoje

Mais Lidas

DOURADOS
Polícia encontra bilhete com “mula” e fecha entreposto de drogas no Estrela Porã
OPERAÇÃO REMAKE
Gaeco cumpre mandados e apura desvio de R$ 670 mil em sindicato
BR-163
Gol carregado com maconha é apreendido em Dourados
ÁGUA BOA
Homem armado invade casa e leva dinheiro da vítima