Menu
Busca quinta, 27 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221
COMER BEM

O tradicional prato brasileiro também está presente aqui, proporcionando uma incrível experiência gastronômica

18 novembro 2019 - 11h11Por Criafix
Quer saber o porquê a nossa FEIJOADA é tão incrível assim? 
 
Resumimos para você em três motivos:
 
1) Feijoada leve, saborosa e com ingredientes de qualidade que só o Cheiro Verde oferece. Uma combinação perfeita dos cortes suínos com sabores marcantes.
 
 
2) A feijoada proporciona a oportunidade de conectar os familiares e reencontrar os amigos. É um momento de descontração, de um bom papo e muitas risadas.
 
3) O feijão, além de delicioso, é rico em ferro e vitaminas, faz o intestino funcionar melhor e mantém o coração saudável.
 
 
Traga sua família, seus amigos e venha curtir esse momento tão especial! Comer bem só depende de você.
 
 
Você também pode receber o nosso cardápio diário! Envie a mensagem “EU QUERO RECEBER O CARDÁPIO”. 
 
Clique aqui > > > http://bit.ly/2lOIgw8

Leia Também

JOGOS DE TÓQUIO
Coronavírus faz Japão cancelar evento-teste de judô paralímpico
DETRAN
Nova portaria possibilita ampliação do número de ECV´s em MS
SAÚDE
Exame dá negativo a 1º caso suspeito de coronavírus em MS; saúde aguarda contraprova
GOVERNADOR
Bruno Covas inicia imunoterapia para tratamento de câncer
REGIÃO
Homem é a 13ª vítima fatal da dengue no Estado em 2020
JARDIM ÁGUA BOA
Cofre furtado de mercado é encontrado em obra; ladrões levaram mais de R$ 3 mil
MATO GROSSO DO SUL
Em dois anos, Defensoria Pública do Estado ajuizou 381 ações contra concessionária
PIRACEMA
Apreensões durante operação chega a 859kg de pescado
DOURADOS
Procon fiscaliza venda irregular de azeite e milho em conserva em supermercados
ECONOMIA
Contas públicas têm superávit recorde de R$ 44,12 bi em janeiro

Mais Lidas

MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira