Menu
Busca domingo, 22 de abril de 2018
(67) 9860-3221
Clube Indaiá - Janeiro 2018
ITAÚNAS

Belas praias e forró atrai turistas para povoado no Espírito Santo

01 novembro 2017 - 10h27Por Da redação

Uma vila de pescadores na beira do mar, quase na divisa do Espírito Santo com a Bahia, que na década de 60, foi soterrado pelas dunas que avançaram sem dó em função do desmatamento, atrai turistas o ano todo e sem cerimônias, os visitantes se manda para as margens do rio que corta a região e tem a oportunidade de que ver que a vida continuou pacata em Itaúnas. 

Nos anos 80, a praia escondida por montes de areia fina e dourada foi descoberta pelos mochileiros e ainda hoje se mantém preservada. Graças à criação de um parque estadual em 1991, que mantém a natureza preservada e que continua a exibir manguezais, riachos, dunas gigantescas e trechos da Mata Atlântica. 

Invadida principalmente por jovens no verão, o povoado de ruas de terra ganhou pousadinhas, bares rústicos e casas de forró onde a dança rola solta até o amanhecer. O ritmo ditado por sanfonas, zabumbas e triângulos é tão contagiante na vila que Itaúnas é o cenário do Festival Nacional de Forró, que atrai os fãs do arrasta-pé no mês de julho. 

O som, como na alta temporada, começa por volta da meia-noite e só termina quando o sol lança seus primeiros raios. O resultado é praia vazia durante toda a manhã, afinal, é preciso estar descansado para encarar dunas, trilhas e estradas de chão para tomar um banho de mar. 

A praia que dá nome à vila fica a pouco mais de um quilômetro, mas exige escalar um monte de areia que ultrapassa os 20 metros de altura e 300 de extensão.

Já a selvagem Riacho Doce, uma das mais bonitas da região, é acessada depois de dez quilômetros de caminhada ou de 17 quilômetros sacolejando dentro do carro. Bem mais adiante fica ainda, a Costa Dourada, contornada por gigantescas falésias.

Quem vai a pé pode optar pelos passeios de bugue, bicicleta, canoa e a cavalo, que descortinam paisagens intocadas. A rusticidade de Itaúnas é garantida não somente pela proteção do parque, mas também por seu acesso precário. A partir de Conceição da Barra, cidade da qual a vila é distrito, são 27 quilômetros de estada de terra.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAUUUU!!
De lingerie, Mel Fire posa sensual e garante ser totalmente natural
SÉRIE D
Ministério Público libera Morenão até o fim do Brasileirão
FLAGRANTE
Paulista é preso com maconha, skunk e haxixe na rodoviária
TRIBUTO
Faltam poucos dias para fim do prazo de entrega da declaração do IRPF. Tire suas dúvidas
IMAM
Indicações ao prêmio Troféu Marco Verde continuam abertas
CIRCUITO CAIXA
Paratleta de MS conquista medalhas de ouro em competição nacional
LEVANTAMENTO
Governo recebe estudos técnicos do projeto de concessão da Rodovia MS-306
BRASIL
Mudanças nas regras de financiamento podem aquecer mercado imobiliário
AGENDA
Reinaldo vem a Dourados na segunda para entrega de residencial
QUASE R$ 400 MIL
Pedro Chaves é o que mais usou verbas indenizatórias em MS

Mais Lidas

RIO BRILHANTE
Homem morre após cair com veículo em rio
JARDIM GUANABARA
Homem é preso acusado de abusar de criança em Dourados
CAMPO GRANDE
Mulher morre ao ser arremessada de caminhonete
DOURADOS
Adolescente que comprava maconha no Paraguai para revender é apreendido