Menu
Busca quinta, 12 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
ARQUITETURA

Museu do Amanhã: 3 curiosidades sobre o projeto que transformou o Rio de Janeiro

31 maio 2019 - 15h39Por Viva Decora
Um projeto de museu, muitas vezes, representa mais do que um local de arte e cultura.
 
Essa obras podem transformar cidades e mudar totalmente a relação com o entorno. Um exemplo é o Museu do Amanhã, localizado no Rio de Janeiro (RJ).
 
O museu de ciências interativo faz parte de um projeto de revitalização que trouxe para o Brasil um projeto de um dos melhores arquitetos do mundo.
 
Quer saber mais sobre ele? Nesse artigo, vamos mostrar a história, curiosidades e fotos do incrível Museu do Amanhã. Boa leitura!
 
Museu do Amanhã: História
 
O Museu do Amanhã do Rio de Janeiro foi inaugurado no dia 17 de dezembro de 2015.
 
Ele fica localizado na Praça Mauá, na zona portuária da cidade.
 
O projeto do Museu do Amanhã foi concebido pela Fundação Roberto Marinho em parceria com a Prefeitura do Rio de Janeiro.
 
Museu do Amanhã: entrada . Fonte: Site do Museu do Amanhã

 


Museu do Amanhã: fundos.Fonte: Site do Museu do Amanhã


Museu do Amanhã: vista aérea.Fonte: Site do Museu do Amanhã

 


Museu do Amanhã: Praça Mauá.Fonte: Site do Museu do Amanhã

 

Com o custo total de cerca de 230 milhões de reais, o Museu do Amanhã do Rio de Janeiro fez parte do projeto de revitalização urbana chamado Porto Maravilha.
 
Também estão inclusos no projeto a construção do Museu de Arte do Rio, o AquaRio, a implantação do VLT e o desenvolvimento imobiliário no local.
 
Uma das mudanças necessárias na região também foi a demolição do Elevado da Perimetral.
 

Museu do Amanhã: demolição da perimetral..Fonte: Site do Museu do Amanhã

 

O Museu do Amanhã do Rio de Janeiro é um museu de ciências interativo, que usa a tecnologia para trazer uma reflexão muito importante: afinal, qual o futuro do planeta terra?
 
A exposição fixa é dividida em 5 espaços que respondem as seguintes questões: De onde viemos? Quem somos? Onde estamos? Para onde vamos? Como queremos ir?
 
30 especialistas brasileiros e internacionais são os responsáveis pelo conteúdo exibido no Museu do Amanhã, que é atualizado a partir de dados e análises científicas de instituições do mundo todo.
 
Museu do Amanhã: Arquitetura
 
O projeto arquitetônico do Museu do Amanhã é de autoria de Santiago Calatrava em parceria com o escritório local Ruy Rezende Arquitetura.
 
Museu do Amanhã: Santiago Calatrava. .Fonte: Site do Museu do Amanhã

 

Santiago Calatrava se inspirou nas Bromélias do Jardim Botânico do Rio de Janeiro para o projeto do Museu do Amanhã.
 
O prédio tem 15 mil metros quadrados de área construída, 20 metros de altura e 330 metros de comprimento.
 
Além de ser uma obra de incrível beleza arquitetônica, o Museu do Amanhã também se destaca pela arquitetura sustentável.
 
O projeto tem a certificação LEED (Liderança em Energia e Projeto Ambiental), concedida pelo Green Building Council (USGBC).
 
Um exemplo de sustentabilidade do Museu do Amanhã é que a água do mar é armazenada em reservatórios e tratada para ser utilizada no ar condicionado e no espelho d’água que circula o edifício.
 
Museu do Amanhã: Espelho D’água.Fonte: Site do Museu do Amanhã

Outro exemplo de sustentabilidade é a cobertura do Museu do Amanhã, que é feita de aletas cobertas com painéis fotovoltaicos.

Elas se movimentam de acordo com a direção dos raios solares, e são capazes de captar 250 KWh/ano, o que representa entre 7% e 9% da energia total utilizada pelo Museu do Amanhã.
 

Museu do Amanhã: Aletas.Fonte: Site do Museu do Amanhã

 

Falando mais sobre a concepção do projeto do Museu do Amanhã, um dos principais desafios de Santiago Calatrava e da engenharia foi a localização da obra, que é cercada pelo mar.
 
Foi necessário reforçar o píer, inserindo estacas metálicas com tratamento especial anticorrosivo e estacas-raiz, capazes de atingir grandes profundidades em busca de solo firme ou rochoso.
 
Entre os materiais usados na construção do Museu do Amanhã está o aço, o cimento e o vidro.
 

Museu do Amanhã: construção.Fonte: Site do Museu do Amanhã

 


Museu do Amanhã: Baía de Guanabara.Fonte: Site do Museu do Amanhã

 

Sobre o interior do Museu do Amanhã, no térreo estão o saguão de entrada, o pavilhão de exposições temporárias, o auditório e o restaurante.
 
O ingresso dos visitantes às áreas da exposição fixa, localizado no primeiro andar, é feito por rampas laterais.
 
A geometria do interior do Museu do Amanhã é assimétrica, cheia de belas curvas que encantam os olhos dos visitantes.
 
As janelas, que privilegiam a iluminação zenital, foram concebidas a fim de enquadrar pontos turísticos da região, como o mosteiro de São Bento e o morro da Conceição.
 

Museu do Amanhã: janela.Fonte: Site do Museu do Amanhã
 

Museu do Amanhã: globo terrestre na entrada.Fonte: Site do Museu do Amanhã

 

 

Museu do Amanhã: escada.Fonte: Site do Museu do Amanhã

 

 

Museu do Amanhã: curvas.Fonte: Site do Museu do Amanhã

 

 
Números da construção do Museu do Amanhã
 
o 3.800 m² em 908 peças de vidro
 
o 55 mil toneladas de concreto estrutural
 
o 4.300 toneladas de estruturas metálicas para a cobertura
 
o 76 mil litros de tinta
 
o 1.200 funcionários no pico das obras
 
o 338 metros de comprimento (de um balanço a outro)
 
o 20 metros de altura
 
o 34,6 mil metros quadrados área do terreno/ 15 mil m² de área construída
 
o 6 mil m² de jardim
 
o 30 mil metros de pilares submersos suportam o peso do edifício
 
o 5.492 placas voltaicas foram instaladas para captação de energia solar
 
Fonte: site do Museu do Amanhã
 
Como comprar ingresso para o Museu do Amanhã?
 
O Museu do Amanhã fica aberto de Terça a Domingo, das 10h às 18h.
 
O ingresso para o Museu do Amanhã pode ser adquirido pelo site do museu ou pela bilheteria, mas devido à grande procura o ideal é que seja comprado antecipadamente.
3 curiosidades sobre o Museu do Amanhã
 
1- Ganhador do “Oscar dos Museus”
 
Em 2018, o Museu do Amanhã ganhou o Leading Culture Destinations Awards, considerado o Oscar dos Museus.
O prêmio britânico considerou o Museu do Amanhã a melhor instituição cultural para a promoção do soft power, um termo inglês que descreve a habilidade de influenciar pessoas sem o uso da força.
 
2- Paisagismo especial
 
 
Museu do Amanhã: Paisagismo
 
O paisagismo do Museu do Amanhã foi feito pelo escritório do maior paisagista brasileiro, já falecido, Roberto Burle Marx.
Ele traz espécies nativas e de restiga. A seleção de materiais também seguiu critérios de sustentabilidade, com preferência para aqueles reciclados, de baixa toxicidade, alta durabilidade, produzidos próximos ao local da obra e com uso de madeira certificada FSC.
 
3- Integração com o entorno
 
O projeto do Museu do Amanhã teve uma restrição de altura de 20 metros. O motivo? Não prejudicar a visão dos prédios históricos que ficam ao redor do edifício, como o Mosteiro de São Bento e o edifício a Noite, o primeiro arranha-céu da cidade.
E aí, deu vontade de comprar um ingresso para o Museu do Amanhã do RJ? Se você gosta de museus, aproveite para ler também: Conheça os projetos de arquitetura de museu mais inspiradores do mundo!

Deixe seu Comentário

Leia Também

LEGISLATIVO
Deputados aprovam Plano Plurianual e outras 21 matérias
SUL DE MS
Operação desarticula quadrilha, apreende armas, drogas e dinheiro
NAS AREIAS
Atletas de 4 municípios disputam o reinado do beach tennis no MS
MATO GROSSO DO SUL
Projeto de Marçal sobre acompanhamento domiciliar a pacientes com câncer vai à sanção
BRASIL
Bolsonaro sanciona lei que aumenta limite do saque imediato do FGTS
DOURADOS
Pré-matrícula na Rede Municipal vai até dia 23 de dezembro
ALMS
Rotary Club de Maracaju pode ser declarado de utilidade pública
FUTEBOL
Times de MS conhecem adversários na Copa do Brasil
TERCEIRA EDIÇÃO
Festival de Ginástica Artística encerra atividades do projeto 'Ginaslouquinhos'
REGIÃO
PMA aplica multa de R$ 25 mil após constatar degradação em APP

Mais Lidas

CAARAPÓ
Homem é assassinado a golpes de faca após discussão em bar
DOURADOS
Inteligência da PM prende dois por tráfico no bairro Estrela Tovi
GRANDE DOURADOS
Quadrilha especializada em roubo de caminhonetes é desarticulada e seis são presos
FURTO
Polícia recupera objetos e fecha ponto de receptação em Dourados