Menu
Busca terça, 20 de agosto de 2019
(67) 9860-3221
ARQUITETURA

Conheça o único cinema de Paraty, instalado em prédio histórico restaurado

27 maio 2019 - 16h43Por Casa Vogue

No centro da cidade de Paraty, no litoral sul do Rio de Janeiro, um prédio histórico do século 19 ganhou vida nova. Depois de ficar em ruínas por anos, o imóvel localizado em frente à Praça da Matriz foi comprado pela Prefeitura com o objetivo de transformá-lo em um centro de cultura: a ideia virou projeto, saiu do papel e agora encanta a população local e os turistas – tanto pela programação como pela arquitetura.
 
Ali funciona, desde julho de 2018, o Cinema da Praça, com capacidade para 80 pessoas. No segundo piso há ainda uma sala de múltiplo uso com uma pequena biblioteca aberta ao público. Para ficar com a aparência que tem hoje, porém, o espaço precisou passar por uma longa reforma. 

Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue



“A intervenção procurou ser silenciosa, demarcando o que era novo em relação ao que era antigo, com harmonia entre as partes”, explica Marinho Velloso, arquiteto que projetou o novo espaço quando trabalhava na Prefeitura de Paraty. “A ideia era deixar que o edifício falasse por si, porque já era muito bonito”.

Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 

 Marinho, que nasceu e cresceu na cidade, saiu do emprego na prefeitura, mas continuou acompanhando o projeto de perto, à frente do próprio escritório de arquitetura – Arquipélago – com seu sócio Luiz Tavares. Juntos, eles cuidaram do final da obra, que foi inaugurada em julho de 2018.


 

Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 

“Havia uma preocupação grande em distinguir o antigo e o novo de forma harmônica”, diz Marinho. Repare nos recursos utilizados: internamente, as paredes novas, construídas na reforma, receberam reboco e foram revestidas de branco. Já as paredes antigas são de tijolinhos aparente. O arquiteto explica ainda que, para não sobrecarregar a estrutura original, optou-se por instalar uma adicional, nova, metálica e independente.
 

Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 


O prédio de 450 m² já abrigou, no passado, um cinema. Dos anos 1930 à década de 70, era ali que ficava o extinto Cinema São Jorge. Hoje, o Cinema da Praça é o único do município, que passou muitos anos sem espaços como este. A programação do local conta com sessões gratuitas, que podem ser conferidas aqui.

Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue




 “Foi uma obra com uma série de dificuldades, em todas as fases e de todos os tipos, mas o resultado é muito bom. É uma satisfação imensa ver o cinema pronto, as pessoas comentando, tirando foto. Virou uma espécie de atração turística da cidade”, diz o arquiteto. Viva a arquitetura que ressignifica espaços e acalenta as pessoas!

Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 

Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 


Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 


Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 


Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 


Crédito: Reprodução Printerest/Casa Vogue


 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS
Veículo com sinais de identificação adulterados é apreendido pela polícia
ESTUPRO
Homem é preso após dormir com a namorada de 11 anos
RIO DE JANEIRO
Sequestrador estava em surto psicótico e ameaçou incendiar o ônibus
LOGÍSTICA
Nelsinho vem com ministro Ernesto Araújo a MS e realiza palestra em evento sobre corredor bioceânico
LOTERIA
Prêmio da Mega deve pagar R$ 31 milhões amanhã
LEGISLATIVO
Cadastros de programas sociais terão informações sobre violência doméstica
DOURADOS
Seis projetos e dois vetos são aprovados pela Câmara
MÉTODO SUPERA
Como combater o nervosismo e a ansiedade ao falar em público
FLAGRANTE
Caminhões são apreendidos carregados com madeira ilegal
RIO DE JANEIRO
Governador comemora desfecho com morte do sequestrador

Mais Lidas

NO PARANÁ
Douradense morre ao ser prensado por caminhão em laticínio
DOURADOS
Acusado de participação no sequestro de família douradense se apresenta à polícia
DOURADOS
Em ato de filiação ao PSL, reitora temporária diz não ter prazo para deixar comando da UFGD
MS-376
Veículo fica completamente destruído e homem morre em acidente entre Vicentina e Fátima do Sul