Menu
Busca Quinta, 19 de Outubro de 2017
(67) 9860-3221
UFGD - Outubro 2017
DESEMPREGO

Dourados fecha primeiro trimestre do ano com saldo negativo de emprego

21 Abril 2017 - 07h45

Dados apresentados ontem (20) pelo MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) através do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) mostram que Dourados mais demitiu do que empregou no primeiro trimestre de 2017.

Conforme o levantamento, o município registrou de janeiro a março, 5.477 admissões, contra 5.552 encerramentos de vínculos trabalhistas, saldo negativo de 75 postos de trabalho.

O setor que mais demitiu foi o comércio, com 421 fechamentos de vagas. No mesmo período são 321 contratados.

Ainda conforme o Caged, em janeiro Dourados contratou 1.741 trabalhadores, demitindo 1.865, saldo negativo de 124 postos. No mês seguinte a história se inverteu com 1.906 admissões e 1.705 demissões. Já em março, nova queda, 1.830 contratos de trabalho assinado e 1.982 encerrados.

Em Mato Grosso do Sul, o Ministério do Trabalho aponta aumento na quantidade de contratações, com saldo positivo de 4.633 novos postos criados. No país, o desemprego voltou a aparecer com 68.876 vagas fechadas.

2016

Os números de Dourados são parecidos com os do ano passado, quando no trimestre 65 vagas foram fechadas na cidade.

Na época, 5.700 pessoas acabaram deixando suas funções e as contratações chegaram a 5.635.

Deixe seu Comentário

Leia Também

TEMPO
Quinta-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
UAUUU!!!
Monick Camargo faz ensaio sensual
DOURADOS
Conselheiros do PreviD são homenageados com placas
EDUCAÇÃO
Parceria garante a alunos de MS intercâmbio em universidades do exterior
REGIÃO
Estudantes participam das Feiras de Ciência e Tecnologia do IFMS em dez municípios
BRASIL
MEC vai oferecer 80 mil vagas de residência pedagógica em 2018
COXIM
MPE quer suspensão de doação de terrenos feito por ex-prefeita
RETORNO
Na volta ao Senado, Aécio diz que trabalhará para provar inocência
ECONOMIA
Dólar fecha em leve queda sobre o real
SERÁ?
Após depoimento de Funaro, Dilma tenta anular impeachment no STF

Mais Lidas

BATAYPORÃ
Carta deixada por pai que matou filha não tem relação com o crime
DOURADOS
Juiz manda prefeitura exonerar temporários e convocar aprovados em concurso
MORTE NO DIOCLÉCIO
Autor de homicídio no Dioclécio se apresenta e alega legítima defesa
PROFANAÇÃO
Para "desfazer macumba", homem viola quatro sepulturas em cemitério