Menu
Busca terça, 19 de março de 2019
(67) 9860-3221

Walter Hora debaterá mudanças na taxa de esgoto

02 junho 2011 - 08h25

Na sessão ordínaria da Câmara Municipal de Dourados do último dia 23 de maio, o vereador Walter Hora (PPS) apresentou requerimento ao gerente-regional da Sanesul, Odilon Azambuja, solicitando informações relativas à cobrança da tarifa de esgoto em Dourados. A solicitação tem o objetivo de verificar o modelo de cobrança que será utilizado pela empresa após a conclusão das obras de saneamento do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e a ativação das novas ligações de esgoto residenciais.

No documento, Walter Hora fez questão de requerer informações que possam dar noção à população douradense sobre os valores pagos atualmente pela taxa de esgoto. Para o vereador, esses dados são importantes para provocar um grande debate sobre os valores cobrados pela taxa de esgoto no município. “Desde o inicio das obras do PAC, várias novas ligações residências foram feitas. A ligação é obrigatória, o morador tem que fazer. Isso vem aumentando a receita da empresa saneadora, o que sob a minha visão, seria viável que fosse reduzido o valor da taxa de esgoto, que hoje é de 70% sobre o valor da conta de água”.

Hora entende que as novas ligações residenciais de esgoto são extremamente necessárias e úteis, já que, além de garantir melhorias na infraestrutura dos bairros da cidade, proporcionam uma melhora significativa na saúde da população. “Investimentos em saneamento básico é garantia de mais saúde as pessoas. No entanto, não podemos esquecer o lado financeiro dos moradores que terão que pagar pela taxa de esgoto. Hoje muitas pessoas estão sendo surpreendidas pela taxa, pela nova despesa, principalmente, a população menos favorecida e que tem um ganho menor. Acredito que a redução do valor da taxa de esgoto viria ao encontro das necessidades da população”, salientou o vereador.

Walter Hora iniciou o movimento e debate sobre a possibilidade da redução nos valores cobrados pela taxa de esgoto em Dourados em seu mandato anterior. Na época, grande parte da população se mostrou muito receptiva a idéia e procurou se interar sobre o assunto. Após receber as informações solicitadas a Sanesul, o vereador pretende realizar uma audiência pública na Câmara Municipal, com objetivo de chamar a população para debater a cobrança da taxa de esgoto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Noiva de Latino, Jéssica Rodrigues posa nua e fala do empoderamento feminino
AQUIDAUANA
Adolescente é trancada dentro de casa e estuprada por quatro homens
DOURADOS
Projeto Palco para Todos retoma aulas para alunos da Reme em abril
ALCÂNTARA
Acordo permite aos EUA lançar satélites a partir do Maranhão
CRIME AMBIENTAL
Campo-grandense é multado por transporte de 500 litros de agrotóxicos
MARÇO
Petrobras anuncia 7º reajuste no preço da gasolina nas refinarias
PRECAUÇÃO
Brasileira estuprada por policiais em prisão na Bolívia é transferida
SIGA/MS
Mais de 90% das lavouras de soja já foram colhidas no Estado
COXIM
Corpo de homem que morreu após colisão de barcos é encontrado
LEÃO
Receita Federal recebeu 3,8 milhões de declarações do IR em 11 dias

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Família que morreu em acidente na BR-060 seguia para missa de colação de grau
BR-060
Morre no hospital terceira vítima de acidente na Capital
NAVIRAÍ
Corpo de foragido do semiaberto é encontrado em terreno baldio
SIDROLÂNDIA
Acidente entre carro e caminhão mata duas mulheres na BR-060