Menu
Busca sábado, 24 de agosto de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

Consumidores lotam estabelecimentos em busca de peixes para o feriado

18 abril 2019 - 12h08Por Vinicios Araújo

Os comércios de peixe em Dourados estão com movimentação bastante agitada nesta quinta-feira (18). O Dourados News visitou alguns estabelecimentos e constatou a correria de atendentes e empresários. 

Em uma peixaria localizada no cruzamento das ruas Monte Alegre e Toshinobu Katayama, havia clientes desde às 6h aguardando as portas do comércio serem abertas. 

O movimento por lá é intenso a todo momento. A equipe de reportagem ficou no local cerca de 20 minutos para conseguir conversar com a gerência, e durante todo o tempo o entra e sai de clientes não parava. 

Num momento mais tranquilo o empresário Reinaldo Manfrin Duarte comentou com o Dourados News que o fluxo de pessoas está atingindo o esperado para a data. “Está dentro do que a gente esperava né. Estamos nesse mercado há 14 anos e a expectativa é que pelo menos 3 mil pessoas passem por aqui”, disse o comerciante.

Reinaldo comentou que o estoque esse ano foi ampliado em 15% quando comparado ao ano passado e a procura no estabelecimento dele se concentram nos cortes de Pacu e Tambaqui. Filé de tilápia e Pintado também são bastante pedidos. Por lá a média de investimento dos clientes gira em torno de R$ 80.

A consumidora Marlene Lima, moradora no João Paulo II passou cedo na peixaria do Reinaldo para garantir o almoço de amanhã. Na casa dela serão reunidos amigos e familiares para saborear um delicioso peixe assado. “Hoje eu já vim decidida, já garanti o peixe para o forno e vim buscar agora um filézinho para o filho. É bebê né, então não pode ter espinho”, comentou. 

Diferente da Marlene, a douradense Roseana Bueno, residente no Altos do Indaiá, ainda não havia decidido a compra. Ela saiu de casa cedo para pesquisar os preços e identificar os melhores locais. 

“Peguei essa porção de um quilo só para ter uma base mesmo”, comentou. Ela revelou que o cardápio para o almoço da família na Sexta-feira Santa já foi definido: vai ser peixe frito. 

FEIRA DO PEIXE

Já no Jardim Flórida I, no Pavilhão da Seleta onde ocorre a Feira do Peixe, produtores enfrentam a mesma realidade. Nesta manhã, durante visita do Dourados News, cerca de 80 pessoas se dividiam entre os expositores para garantir o pescado ideal para o almoço. 


O douradense Wilson Ioris saiu de lá com três fardos de peixe. Ele comprou em quase 30 quilos de pescado para um evento entre associados que será realizado na AABB (Associação Atlética Banco do Brasil). 

“Toda semana santa fazemos esse movimento. Dessa vez ficamos com medo de não encontrar peixe por conta do cancelamento da Festa do Peixe, mas graças a Deus os produtores vieram pra cá. Daqui estou levando 27 quilos para servir umas 100 pessoas”, disse. 

O cardápio é variado: peixe frito, ao molho, assado na brasa e moqueca. 

A Feira do Peixe foi uma alternativa dos piscicultores para não prejudicar o cultivo do ano sem a tradicional Festa do Peixe. A Prefeitura de Dourados cancelou o evento alegando empasses licitatórios.

NO SUPERMERCADO

Em um supermercado visitado pela reportagem o fluxo de pessoas também era bastante intenso, mas não nos freezers de peixe. O volume de consumidores se concentravam na área de hortifruti. 
O preço aplicado sobre o peixe no comércio varia de R$ 12,99 à R$ 18,99.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSOS
Fani Pacheco ousa em ensaio e faz post reflexivo: "Não perca seu Norte"
CAMPO GRANDE
Homem é preso após fazer gestante refém e ameaçar policiais
FUTEBOL DE BASE
Semifinais do Estadual Sub-17 começam neste fim de semana
NOVA ANDRADINA
Cinco são presos pela PM durante ações ostensivas
CLIMA
Especialista diz que MS terá chuva significativa apenas em setembro
CRIME AMBIENTAL
Usina é multada em mais de R$ 270 mil por incêndio em canavial
PREVENÇÃO
Sala integrada para controle e combate de incêndios é criada em MS
BRASIL
Encceja: candidatos com dificuldade de acesso podem ligar para 0800
BRASILEIRÃO
Bahia bate Galo em Minas na abertura da 16ª rodada
MOVIMENTO
Manifestantes vão à Praça Antônio João em ato contra queimadas

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher tem dedo amputado após empilhadeira a atingir enquanto fazia compras
DOURADOS
VÍDEO: Guarda agride rapaz em abordagem na UPA e corregedoria abre inquérito para apuração
VALE QUANTO?
Peritos imobiliários avaliam Douradão para venda ou aluguel a pedido da prefeitura
VIOLÊNCIA
Bandidos encapuzados invadem casa no Santo André e agridem idoso a coronhadas