Menu
Busca sexta, 18 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
GERAL

Universitários americanos visitam Dourados e conhecem agricultura local

14 janeiro 2019 - 12h50Por Da redação

Na tarde da última quinta-feira (10/1), 26 estudantes da Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, estiveram em Dourados e conheceram in loco as características da agricultura da região. Os alunos estão cursando a Faculdade de Agricultura da universidade, localizada na cidade de Urbana-Champaign.

Segundo o professor Bob Houser, do Programa de Imersão em Negócios da universidade, a visita ao Brasil vai durar duas semanas e tem como objetivo principal mostrar aos alunos os contrastes entre a agricultura americana e a brasileira, levando-os em propriedades rurais e instituições que articulam a agricultura no País, com a Embrapa e algumas empresas de consultoria agrícola.

“Nos Estados Unidos as universidades não oferecem graduações específicas como aqui no Brasil. Lá os alunos escolhem uma grande área de estudos e vão cursando disciplinas até obterem o bacharelado, com o foco onde desejam. Todos aqui estão cursando a Faculdade de Agricultura. A maioria vai focar em Agronomia e Economia e está no quarto [último] ano. Alguns vão focar no estudo da planta em si [biologia], uma em engenharia e outra em educação agrícola. A visita surgiu a partir da conclusão de um estudo que fizemos sobre a agricultura do Brasil”, explicou Bob.

Após visitarem a Fazenda Vaca Branca, em Naviraí, os acadêmicos foram recebidos em Dourados pelo engenheiro agrônomo  ngelo Ximenes, sócio proprietário da Coperplan Consultoria Agrícola, que apresentou um panorama geral sobre a produção agrícola na região e também os serviços e projetos que a empresa atua. 

“O mundo possui cerca de 7,2 bilhões de habitantes e segundo estimativas da ONU, esse número vai aumentar para 11 bilhões em 2100, sendo que apenas 40% da superfície do globo é usada para agricultura.

Com isso, já surge a necessidade de aumentarmos a produção de alimentos e o Brasil se destaca no cenário mundial como um dos maiores produtores com potencial de crescimento, ou seja, caminhamos cada vez mais para ser uma das maiores lideranças mundiais. Receber a visita desses estudantes americanos além de confirmar isso, revela também que o Mato Grosso do Sul e Dourados são protagonistas e imprescindíveis nesse processo”, explicou  ngelo.

Também recebeu os estudantes o pesquisador da Embrapa Agropecuária Oeste, Gessi Ceccon, que explicou sobre as pesquisas e os serviços oferecidos pelo órgão.

Antes da visita, os alunos estudaram o Brasil durante três meses, especificamente seis tópicos relacionados a agricultura. 

Após conhecerem Dourados, os estudantes seguiram para o Estado do Rio de Janeiro para dar continuidade ao programa de imersão da universidade.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

POLÍCIA
Do interior de presídio, líder do PCC ordenou 28 assassinatos em MS
SOLIDARIEDADE
Para respirar fora de hospital, bebê precisa de aparelho de R$ 40 mil
CRIME AMBIENTAL
Paulista é multado em R$ 83 mil por desmatamento em áreas diferentes
OPORTUNIDADES
Concursos com 306 vagas serão realizados em municípios de MS
TRAGÉDIA
Sobe para sete número de mortos na queda de prédio em Fortaleza
UEMS
Dia do servidor terá corrida, caminhada e vacinação na Cidade Universitária
SEMIABERTO
Ex-presidente Lula pede à Justiça para não mudar de regime
ELDORADO
Polícia apreende R$ 300 mil em embarcações usadas por contrabandistas
INTERNACIONAL
Astronautas fazem primeira caminhada 100% feminina no espaço
POLÍTICA
Líder do PSL diz que Bolsonaro tentou comprar deputados com cargos

Mais Lidas

BNH IV PLANO
Polícia investiga morte de bebê logo após parto em Dourados
DOURADOS
Com fim de contrato, empresa começa a retirar lombadas eletrônicas
DOURADOS
Pente-fino teve ‘bate-grade’ e apreendeu drogas, celulares e facas artesanais
DOURADOS
Ladrões invadem e fazem “limpa” em casas