Menu
Busca segunda, 09 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
UEMS/UFGD

Universidades promovem Seminário em Educação, Gênero, Raça e Etnia em Dourados

16 novembro 2019 - 19h13Por Da Redação

A UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) e a UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), realizam de 19 a 22 de novembro o III Seminário Sul-mato-grossense em Educação, Gênero, raça e Etnia. Juntamente com o evento, também será realizado o I Seminario Diálogo TRansnacionais, Saberes Decoloniais, Lutas Antirracistas e Antipatriarcais.

Os eventos, que serão no mês alusivo a Consciência Negra, abordarão como temática: "Novas Formas de Enfrentamento do Racismo, Xenofobia e Discriminações Correlatas são Necessárias". A programação contará com palestras, mini-cursos, Simpósios Temáticos, oficinas, arte e debates. O objetivo é promover a discussão e a difusão de conhecimentos acerca das questões que envolvem a diversidade cultural, étnica, racial, das desigualdades entre mulheres e homens, mas também das masculinidades não hegemônicas e da diversidade sexual e de gênero (para além da matriz hétero(cis)sexual), as desigualdades econômicas e de nacionalidades.

Os eventos são coordenados pela Professora Cintia Santos Diallo, que ressalta a importância do debate sobre o assunto. "O cenário local e global de avanço do capital e do conservadorismo, bem como das formas mais perversas de exclusão, como da xenofobia, racismo e discriminações múltiplas, tem exigido dos segmentos democráticos a reflexão e construção de novas formas de resistências e enfrentamentos, que abarquem modos outros de produção de saberes e maneiras de ser, agir, existir e sentir gestadas a partir dos países Sul".

A III edição do Seminário propõe debates sobre: Os saberes feministas; A produção de pesquisadores negras/os e indígenas em diversos áreas do conhecimento; Acesso e permanência no Ensino Superior; Corpo, racismo e direitos humanos; Religiões de matrizes africanas, entre outros.

Ainda segundo a docente, os Seminários se configuram como eventos de resistência num cenário conservador com o intuito de estimular no ambiente acadêmico e, para além dele, debates sobre os modos como os múltiplos marcadores da diferenciação e das desigualdades social, política, cultural e econômica, operam ou não de modo interseccional, na construção da geopolítica do conhecimento científico e suas epistemologias, na produção das violências, discriminações, exclusões de negros/a negras, mulheres, indígenas, Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais- LGBTQ+, imigrantes e populações empobrecidas.

Inscrições

As inscrições obedecerão os seguintes prazos: ouvintes terão o prazo de 14/10/2019 a 17/11/2019. Quem tiver como objetivo a apresentação de trabalhos, deve se inscrever de 14/10/2019 a 15/11/2019. Serão ofertados certificados.

Mais informações podem ser acessadas no site do evento, neste link: http://eventos.sistemas.uems.br/pagina/p/iii-seminario-em-educacao-genero-raca-e-etnia-2018/programacao.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MEIO AMBIENTE
Universidades estudam como reduzir emissões de CO2 na atmosfera
MEIO AMBIENTE
Governo vai remunerar quem atua na conservação ambiental
CONCURSO
11 órgãos abrem inscrições para 1,4 mil vagas nesta segunda-feira
SUMIÇO
Família procura por homem que desapareceu na região de Taquarussu
MÚSICA
Festival em meio a 'reserva natural' acontece hoje em Dourados
FUTEBOL
Última rodada do Brasileirão 2019 será disputada neste domingo
ECONOMIA
Com a certeza de dinheiro na conta, servidor estadual faz planos com 13°
INTERNACIONAL
Pelo menos 43 pessoas morrem em incêndio em fábrica da Índia
AGEPAN
Portaria homologa tarifas de pedágio de ponte sobre o Rio Paraguai
DOURADOS
Inteligência da PM prende dois por tráfico no bairro Estrela Tovi

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Deputado perde Carteira de Habilitação ao cair em blitz da Lei Seca
RIBAS DO RIO PARDO
Casal aparece e relata que “sumiço” foi por contratempo com celular
POLÍTICA
Plenário do Senado pode votar o Pacote Anticrime ainda neste ano
Homem "furta" carro penhorado em "boca" e é perseguido por traficantes