Menu
Busca terça, 02 de junho de 2020
(67) 99659-5905

UFGD inicia amanhã discussões para Política Ambiental

15 maio 2011 - 09h04

Com objetivo de elaborar a proposta da Política Ambiental da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), com a participação da comunidade acadêmica, a Pró-Reitoria de Administração e Planejamento (PROAP), por meio da Comissão de Elaboração da Política Ambiental da UFGD, vai promover amanhã e terça-feira, dias 16 e 17 de maio, a I Oficina sobre o assunto, com início às 8h30, no cine auditório da Unidade 1.

Antenada com esse debate mundial, a Universidade se coloca na vanguarda do tema dentre as Instituições de Ensino Superior brasileiras, assumindo o compromisso de discutir, elaborar e implementar uma Política Ambiental levando em consideração as profundas alterações ambientais impressas pelas ações antrópicas no planeta que desencadearam na sociedade a necessidade de se formular e implementar estratégias para a sustentabilidade ambiental.

Para isso serão considerados cinco eixos temáticos: Conservação ambiental e consumo consciente; Educação e comunicação ambiental; Gerenciamento de resíduos; Eficiência energética e Urbanização e ocupação.

A participação da comunidade acadêmica se dará pela representação de todas as Unidades Acadêmicas e Administrativas, expressas em seus três segmentos: docentes, discentes e técnicos-administrativos.

A oficina será composta de 56 delegados (Resolução nº 49/2010 do Conselho Universitário): quatro representantes das Pró-reitorias, sendo um de cada Pró-reitoria (PROAP, PROGRAD, PROPP, e PROEX); dois representantes dos Órgãos suplementares; cinco representantes por Unidade Acadêmica, sendo um discente, um técnico-administrativo e três docentes, totalizando 10 discentes, 10 técnicos-administrativos e 30 docentes.

Para a coordenadora do evento, professora doutora Silvana de Abreu, somente por meio de políticas ambientais eficientes e integradas, envolvendo os diferentes setores e atividades da sociedade, poderemos alcançar o tão almejado desenvolvimento. "E a educação tem se destacado como catalisadora de mudanças tecnológicas e sociais em prol deste objetivo ao longo do tempo. Nesse contexto, é indiscutível o papel da Universidade como agente articulador e promotor de propostas voltadas à melhoria e manutenção da qualidade ambiental", enfatizou.

Depois das discussões que durarão dois dias, a proposta da Política Ambiental da UFGD deverá ser encaminhada para o Conselho Universitário (COUNI) da UFGD.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Câmara promulga Lei que beneficia alunos com déficit de atenção e hiperatividade
NAS REDES SOCIAIS
Novo diretor do DOF toma posse em solenidade transmitida ao vivo de Dourados
CAMPO GRANDE
Escasso, teste rápido de coronavírus custa a partir de R$ 140 na Capital
DOAÇÕES
Indígenas de Dourados vão receber 10,4 mil máscaras nesta semana
POLÍTICA
PF vai investigar vazamento de dados de Bolsonaro e outras autoridades
DEODÁPOLIS
Após perseguição e condutor fugir na mata, polícia apreende mais de 100 kg de maconha em veículo
MATO GROSSO DO SUL
Escassez de chuvas reduz nível dos rios e já afeta navegabilidade na Hidrovia do Paraguai
BR-376
PMR apreende 115 kg de maconha que seria levada para a capital paulista
ASSEMBLEIA
Aprovado projeto que sensibiliza sociedade sobre trabalho escravo
DOURADOS
Secretário-adjunto deixa Saúde para acumular funções na Funsaud

Mais Lidas

DOURADOS
HU emite nota de esclarecimento sobre atendimento de mulher que morreu com Covid-19
PANDEMIA
Com mais 27 casos, Dourados ultrapassa 300 confirmações de coronavírus
PANDEMIA
Dourados registra mais 19 casos de coronavírus em 24 horas
6ª VARA CÍVEL
Empresário vai à Justiça contra toque de recolher em Dourados