Menu
Busca terça, 16 de julho de 2019
(67) 9860-3221

UFGD inicia amanhã discussões para Política Ambiental

15 maio 2011 - 09h04

Com objetivo de elaborar a proposta da Política Ambiental da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados), com a participação da comunidade acadêmica, a Pró-Reitoria de Administração e Planejamento (PROAP), por meio da Comissão de Elaboração da Política Ambiental da UFGD, vai promover amanhã e terça-feira, dias 16 e 17 de maio, a I Oficina sobre o assunto, com início às 8h30, no cine auditório da Unidade 1.

Antenada com esse debate mundial, a Universidade se coloca na vanguarda do tema dentre as Instituições de Ensino Superior brasileiras, assumindo o compromisso de discutir, elaborar e implementar uma Política Ambiental levando em consideração as profundas alterações ambientais impressas pelas ações antrópicas no planeta que desencadearam na sociedade a necessidade de se formular e implementar estratégias para a sustentabilidade ambiental.

Para isso serão considerados cinco eixos temáticos: Conservação ambiental e consumo consciente; Educação e comunicação ambiental; Gerenciamento de resíduos; Eficiência energética e Urbanização e ocupação.

A participação da comunidade acadêmica se dará pela representação de todas as Unidades Acadêmicas e Administrativas, expressas em seus três segmentos: docentes, discentes e técnicos-administrativos.

A oficina será composta de 56 delegados (Resolução nº 49/2010 do Conselho Universitário): quatro representantes das Pró-reitorias, sendo um de cada Pró-reitoria (PROAP, PROGRAD, PROPP, e PROEX); dois representantes dos Órgãos suplementares; cinco representantes por Unidade Acadêmica, sendo um discente, um técnico-administrativo e três docentes, totalizando 10 discentes, 10 técnicos-administrativos e 30 docentes.

Para a coordenadora do evento, professora doutora Silvana de Abreu, somente por meio de políticas ambientais eficientes e integradas, envolvendo os diferentes setores e atividades da sociedade, poderemos alcançar o tão almejado desenvolvimento. "E a educação tem se destacado como catalisadora de mudanças tecnológicas e sociais em prol deste objetivo ao longo do tempo. Nesse contexto, é indiscutível o papel da Universidade como agente articulador e promotor de propostas voltadas à melhoria e manutenção da qualidade ambiental", enfatizou.

Depois das discussões que durarão dois dias, a proposta da Política Ambiental da UFGD deverá ser encaminhada para o Conselho Universitário (COUNI) da UFGD.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
De biquíni em Paraty, Mariana Ximenes suspira: "Pode já querer voltar?"
CAPITAL
Esposa de defensor público é encontrada morta em residência
POLÍCIA
Vítima de tiro do pai, estudante presta depoimento e diz que vai embora
TJ/MS
Coordenadora da Mulher debate violência de gênero em Genebra
BELA VISTA
Trabalhador procura polícia para denunciar trabalho escravo em carvoaria
STF
Decisão de Toffoli paralisa inquéritos de lavagem, diz Chefe da Lava Jato
PORTO MURTINHO
Homem disse que acordou com onça pintada nas costas, diz médico
NAVIRAÍ
Ladrões que invadiram casa de vereadora e roubaram joias são presos
BRASIL
Lista do Não me Perturbe já tem mais de 600 mil pessoas cadastradas
CAMPO GRANDE
Homem é executado com três tiros no interior de veículo

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é assassinado a tiros em conveniência
DOURADOS
Homem é morto no Jardim Pantanal; segundo homicídio da noite
DOURADOS
Homem assassinado no Jardim Pantanal tinha 23 anos
DOURADOS
Homem é baleado no Jardim Pelicano