Menu
Busca sábado, 14 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

Travesti leva “carreirão” em briga por ponto de prostituição no Centro

12 setembro 2017 - 08h47

Travesti identificada como Gabrieli procurou a Polícia Civil em Dourados para denunciar crime de rufianismo – quando se tenta tirar proveito de prostituição alheia. A suspeita foi identificada como Lorena, que também é travesti.

Conforme o boletim de ocorrência, há dias a vítima vem sendo cobrada em R$ 30 para poder ficar na avenida Joaquim Teixeira Alves. As ligações, segundo ela, são feitas sob forte ameaça, inclusive de morte, caso não pague o valor.

Ainda conforme Gabrieli, por duas vezes Lorena e cinco pessoas passaram num GM Celta e armados, a ameaçaram.

Na noite de segunda-feira (11), o grupo chegou a com pedaços de madeira, pedra e faca correram atrás da travesti, que só não foi espancada porque conseguiu fugir do local.

A polícia investiga o caso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MUNICÍPIOS
Caracol recebe neste sábado asfalto, veículo e equipamentos para saúde
MUNDIAL DE CLUBES
Al Hilal vence e encara Flamengo nas semifinais
BRASIL
Lei extingue multa extra de 10% do FGTS por demissão; entenda
DEODÁPOLIS
Policial Militar, morador em Fátima do Sul, sofre AVC durante plantão
ELEIÇÕES
Em ato de filiação de Délia, Delcídio do Amaral se lança candidato ao governo
CAPITAL
Bêbado, motorista invade preferencial, atropela motociclista e tenta fugir
BENEFÍCIO
Caixa começa pagar auxílio emergencial a pescador na próxima segunda
RIO BRILHANTE
Professor embriagado capota carro e criança é socorrida em estado grave
UFGD
Filme “Ensaio sobre a Cegueira” será debatido neste sábado no Cineclube
NOVA ANDRADINA
Populares encontram mulher morta no Assentamento Teijin

Mais Lidas

CAARAPÓ
Homem é assassinado a golpes de faca após discussão em bar
DOURADOS
Inteligência da PM prende dois por tráfico no bairro Estrela Tovi
GRANDE DOURADOS
Quadrilha especializada em roubo de caminhonetes é desarticulada e seis são presos
FURTO
Polícia recupera objetos e fecha ponto de receptação em Dourados